Comerciante é preso por comandar venda de armas no Litoral Sul da Paraíba

Armas e muniçõesO comerciante José de Arimateia Pereira Filho foi preso em flagrante na manhã desta quinta-feira (7), na cidade de Pedras de Fogo, acusado de comandar a venda de armas no Litoral Sul paraibano. Na casa dele os policiais civis e militares apreenderam armas de grosso calibre e diversas munições restritas das Forças Armadas, conforme informou o delegado Seccional do Litoral Sul, Aneilton Castro.O delegado revelou que o Grupo Tático Especial (GTE) vinha investigando o comércio ilegal de armas no litoral. As informações confirmaram que o material estava sendo comercializado nas cidades de Alhandra e Pedras de Fogo.

“Uma operação da Polícia Civil, em parceria da Polícia Militar de Caaporã, foi montada e conseguimos chegar ao local da venda. Na casa de José de Arimatéia apreendemos duas espingardas calibre 20 e uma escopeta calibre 12, diversas munições – entre elas – de fuzil que é uso restrito das Forças Armadas”, comentou o delegado. A operação foi para cumprir mandado de busca e apreensão.

A Polícia Civil constatou que o comerciante vendeu duas armas nessa quarta. “Ele vendeu dois revólveres um dia antes da operação. Porém, o acusado vai responder por porte ilegal e armas e será encaminhado para a cadeia pública de Pedras de Fogo”, revelou Aneilton Castro.

 

Portal Correio