João Pessoa 21/02/2019

Início » Esporte » Cruzeiro critica postura de procurador de De Arrascaeta e admite vender jogador; confira

Cruzeiro critica postura de procurador de De Arrascaeta e admite vender jogador; confira

Vice de futebol da Raposa concedeu entrevista exclusiva ao FOX Sports nesta sexta-feira (4) e abriu o jogo sobre a situação do uruguaio

Se num primeiro momento o Cruzeiro classificava Giorgian De Arrascaeta como inegociável, nesta sexta-feira (4 de janeiro), o panorama mudou completamente. Em entrevista exclusiva ao FOX Sports, o vice-presidente de futebol da Raposa, Itair Machado, admitiu conversar com o Flamengo pela venda do uruguaio, que já havia sido procurado pela gestão anterior do Rubro-Negro, comandada pelo ex-presidente Eduardo Bandeira de Mello.

Pelo segundo dia consecutivo, De Arrascaeta não se reapresentou na Toca da Raposa, como o esperado, deixando a relação entre clube e jogador ainda mais complicada. As duas partes chegaram a se reunir em reunião para tentarem a permanência do uruguaio, mas o encontro terminou com postagem do camisa 10 nas redes sociais, admitindo ter se sentido “intimidado”.

Ao FOX Sports, Itair Machado criticou a postura do procurador de De Arrascaeta, afirmando que o mesmo estaria desesperado por uma venda do seu cliente.

“Na reunião que tivemos, o procurador disse que ia para a Justiça a questão. Se vocês clicarem na nota vão ver tudo sobre o procurador. Os atletas vão deixando ele. Ele quebrou, só tem o De Arrascaeta. Está sendo despejado de uma casa que tem. Está fazendo de tudo para que tenha a venda. O Defensor-URU detém 50 por cento e é um laranja do Fonseca. Ele fez o De Arrascaeta colocar essa nota, falando que se sentiu intimidado. Na primeira reunião, só conosco, todo mundo ficou nervoso”, começou afirmando o dirigente.

“Eu propus o salário do De Arrasaceta, disse para ele chamar o jogador, quando ele veio, ele (procurador) não me deixou falar. Ele ficaria ganhando mais do que o Cruzeiro. Ele puxou o De Arrascaeta pela mão e levou ele embora, eu fiquei sentado. Ele quer usar A Justiça do trabalho para levar o De Arrascaeta embora. É um bandido que está fazendo a cabeça do jogador. É um bandido fazendo a cabeça do refém. Perguntem para o centroavante Luiz Suárez (do Barcelona) quem é esse sujeito”, prosseguiu.

Por último, perguntado sobre a procura do Flamengo pela contratação do meia uruguaio, Itair admitiu que o vice de futebol do Rubro-Negro, Marcos Braz, o ligou, e que aceita conversar  por um eventual negócio. O dirigente ainda falou sobre Dedé, que também está na mira dos cariocas, mas classificou o zagueiro como inegociável.

“O Flamengo me ligou, o Marcos Braz. Ele me contou que isso aí começou na gestão anterior. Foram para o Uruguai fazer proposta. Agora ele quer consertar isso. Menos o Dedé, a gente vende qualquer jogador. Eu avise, o cruzeiro só conversa depois que o jogador se apresentar aqui na Toca”, completou.

Fox Sports