De olho em jogo decisivo com o Flu, corintianos treinam cobranças de pênaltis

De olho em jogo decisivo com o Flu, corintianos treinam cobranças de pênaltis

Corinthians

Corinthians precisa da vitória ou empate com gols no Maracanã (Foto: Danilo Fernandes/Framephoto/Estadão Conteúdo)

Os jogadores do Corinthians treinaram cobranças de pênaltis na tarde desta segunda-feira no Centro de Treinamento Joaquim Grava. O treino específico mostra a preocupação da equipe de Fábio Carille com a decisão de uma vaga na semifinal da Copa Sul-Americana, diante do Fluminense, na quinta-feira. Após a igualdade por 0 a 0 em Itaquera, o único resultado que leva a decisão para as penalidades é um empate sem gols. Empate com gols dá a vaga ao Corinthians para enfrentar o Independiente del Valle, do Equador.

O treino de penalidades ocorreu depois da atividade normal e contou com a presença dos titulares. O time reserva que empatou por 1 a 1 com o Avaí fez apenas um trabalho regenerativo. O lateral Danilo Avelar já estava indo para o vestiário, mas voltou para ensaiar. Os jornalistas não puderam acompanhar as cobranças.

Em campo reduzido, os jogadores fizeram um treino coletivo com dez atletas para cada lado. Além de Pedrinho, a equipe principal não contou com a dupla de zaga Gil e Manoel. Cássio, Fagner, Danilo Avelar, Gabriel, Júnior Urso, Mateus Vital, Clayson e Vagner Love atuaram no mesmo time.

A grande preocupação é o meia Pedrinho. O atacante se recupera de uma pancada na região do quadril, sofrida na partida contra o Botafogo, fez testes físicos, sessões de fisioterapia e não treinou nesta segunda-feira. Por outro lado, ele foi visto no LabR9, local de aprimoramento da condição física e clínica. Por isso, existe otimismo em relação à presença do jogador de 21 anos no jogo decisivo.

Nesta terça-feira, pela manhã, o elenco volta a treinar no CT com a expectativa de definição do time titular. Everaldo e Bruno Méndez não podem atuar na Copa Sul-Americana, pois não foram inscritos.

Band