Debate TV Master: João quer ampliar Empreender; Lucélio “padrão JP” na PB e Zé mudanças no Trauma

Debate TV Master: João quer ampliar Empreender; Lucélio “padrão JP” na PB e Zé mudanças no Trauma

Aconteceu na noite dessa segunda-feira (20) o 3º debate com os candidatos a governador da Paraíba. Novamente com a presença de todos os pleiteantes registrados junto à justiça eleitoral, o evento foi organizado pela TV Master e retransmitido pelo Paraíba Já.

Debateram na ocasião: João Azevêdo (PSB); Lucélio Cartaxo (PV); José Maranhão (MDB); Tárcio Teixeira (PSOL) e Rama Dantas (PSTU).

Confira as principais propostas dos candidatos:

João Azevêdo (PSB):

Transformar o Programa Empreender em uma agência de fomento, ampliando assim o leque de financiamento para empreendedores. Outra proposta do candidato socialista foi o de criar um programa para garantir o primeiro emprego de alunos advindos de escola técnicas estaduais. Para João Pessoa, Azevêdo propôs um plano tecnólogico. Em Campina Grande, reforçou a ideia da criação de polo calçadista.

Lucélio Cartaxo (PV):

Investimento em esportes e cultura para livrar os jovens das drogas e dos malefícios causados pelo tráfico de drogas; ampliação da geração de energia eólica na Paraíba e a criação de um ambiente favorável para investimentos. Outras propostas de Lucélio foram a conclusão do Canal Acauã-Araçagi e a implantação do “padrão” de João Pessoa, município governado pelo seu irmão gêmeo, para os 223 municípios paraibanos, além da criação de um hospital de Trauma no sertão.

José Maranhão (MDB):

A principal proposta do candidato emedebista foi a de rever contratos firmados pelo Governo do Estado com a empresa que gerencia o Hospital de Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. Ao longo do debate, Maranhão relembrou ações que foram realizadas no período em que governou a Paraíba (entre 1995 e 1999 e 2009 a 2010).

Tárcio Teixeira (PSOL):

O psolista reforçou a ideia de realizar uma interligação dos modais de transporte (trilhos, rodovias e ciclovias); além disso, tarifa grátis para estudante e trabalhadores no transporte público. Debate com a Polícia Civil e o judiciário para rever o encarceramento de jovens usuários de drogas e fomentar políticas de legalização das de substâncias consideradas ilícitas para uso medicinal e o trato com o problema das drogas como política de saúde e não de segurança pública. Tárcio sugeriu ainda cotas de 50% para vagas na Universidade Estadual da Paraíba e a reabertura de escolas para jovens e adultos que teriam sido fechadas pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP).

Rama Dantas (PSTU):

A candidata do PSTU propôs a expropriação das empresas de ônibus em cidades como João Pessoa e Campina Grande, transformando as mesmas em empresas estatais. Para a geração de renda e empregos, Rama sugeriu a criação de cooperativas em várias áreas da economia. Ela ainda propôs a estatização de todos os leitos da saúde no Estado, para que toda a população estejam submetida ao mesmo serviço.

ParaíbaJá