Deputado do PSL vê mero ato político em ‘SOS Transposição’

Deputado do PSL vê mero ato político em ‘SOS Transposição’

O deputado estadual do PSL Cabo Gilberto Silva, rebateu nesta quinta-feira (29), as declarações da deputada estadual Cida Ramos (PSB) que disse que quem quisesse o bem da Paraíba estaria presente no ato público ‘SOS Transposição’ promovido pelo ex-governador e atual presidente da Fundação João Mangabeira Ricardo Coutinho (PSB), em Monteiro no próximo domingo (01), para verificar um suposto abandono da obra da Transposição pelo Governo Federal. Para Gilberto o ato de RC é puramente um ato político, com a única intenção de criar um estigma contra a gestão do presidente da República Jair Bolsonaro (PSL).

“Eu discordo totalmente da deputada Cida Ramos, obviamente sou favorável a obra e que todas as fazes sejam completadas 100%, mas esse movimento é um ato político, ou melhor politiqueiro puxado pelo ex-governador que de forma irresponsável quer manipular a opinião pública contra o atual presidente Bolsonaro. Falo isso e provo todos lembram que o ex-presidente Lula quando estava solto veio para Monteiro e fez a maior publicidade, quando nós sabemos que a obra em vários pontos está se deteriorando devido a ser um serviço mal feito”, disse o parlamentar do PSL.

Cabo lembrou ainda que o PT teve quase quatro mandatos e não terminaram a obra: “Agora querem botar a tudo na conta de Bolsonaro, como se ele fosse culpado das obras da Transposição ainda não estarem com 100% da sua funcionalidade. É uma injustiça tremenda”.

PB Agora