Deputado oposicionista justifica porque votou com governo em empréstimo de US$ 50 milhões

frei justifica votaçãoUm novo pedido de empréstimo internacional no valor de 50 milhões de dólares para o Projeto Cooperar foi aprovado por 22 votos a favor e 8 contra nesta quarta-feira (17) no Plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). O deputado petista Frei Anastácio, conhecido por sua atuação na oposição ao governo de Ricardo Coutinho, foi um dos 22 parlamentares que votaram pela aprovação do pedido de empréstimo.

Para justificar o seu voto em apoio ao governador, o deputado Frei Anastácio disse ter votado em favor do povo paraibano. “Votei por entender que o Projeto Cooperar é importante para os pequenos agricultores, seus familiares e para as associações”, afirmou o parlamentar.

O deputado do PT ressaltou que seu voto foi consciente e declarou que seguirá fazendo oposição ao governo, mas não será oposição ao povo. “Não há aproximação com o governo. Sou oposição, mas não farei oposição ao povo da Paraíba”, concluiu.

De acordo com o gestor estadual do Projeto Cooperar, Roberto Vital, o foco continua sendo a redução da pobreza. Na primeira gestão do governador Ricardo Coutinho (PSB), foram investidos R$ 48,8 milhões, que financiaram obras de infraestrutura, projetos produtivos e projetos sociais. Entre 2011 e 2014, o Cooperar executou 509 convênios em benefício de 27.645 famílias.

PB Agora