Desesperado, Wilbur Jácome xinga Dilma em reunião na Cia. Docas

anisio pescaNa sessão da ALPB desta quarta-feira (19/03), o deputado estadual Anísio Maia (PT) apresentou seu mais veemente repúdio às infames declarações e xingamentos do presidente da Companhia Docas (responsável pelo Porto de Cabedelo), Wilbur Jácome, sobre a presidenta da República Dilma Rousseff e o Partido dos Trabalhadores.

 

O secretário fez as declarações numa reunião pública na Companhia que chefia, na presença de várias pessoas, incluindo sindicalistas, que repassaram à imprensa e ao deputado a gravação. No plenário, Anísio reproduziu o conteúdo do áudio e depois questionou frontalmente o governador e seu subordinado: “Eu quero saber se o governador do Estado da Paraíba recomenda seus secretários a tratar desta forma a presidenta da República. Independente de partido, trata-se de uma autoridade que merece respeito. O episódio requer do governo estadual uma resposta, pois o governador Ricardo Coutinho sempre foi muito bem tratado pela presidenta Dilma”.

 

Anísio indagou ainda se tal atitude seria desespero de causa, uma vez que o secretário Wilbur Jácome nunca conseguiu executar um plano concreto para o Porto de Cabedelo, inclusive, devido à omissão do governo estadual, a presidenta Dilma ordenou que o próprio governo federal elaborasse uma proposta para transformar Cabedelo num porto de águas profundas.

 

Assessoria

 

“Vamos enviar este áudio à Casa Civil da Presidência da República para mostrar como os secretários do governo da Paraíba tratam a presidenta, numa total descompostura, falta de educação. Não podemos admitir isso numa reunião pública, numa repartição pública”, finalizou.