Doméstica acusa dono de imóvel e filho de agressão em Tambaú; precisou de atendimento do SAMU

IMAGEM ILUSTRATIVAA filha de Ana Cláudia Santos, 47 anos, que trabalhava como secretária do lar num edifício no Bairro de Tambaú, denunciou que a doméstica teria sido agredida verbalmente nesta quarta (16) pelo filho do dono do imóvel e teria sido agredida com empurrões pelo dono nesta quinta (17) vindo a passar mal e ser levada por uma ambulância do SAMU para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.

De acordo com a filha, Ana Claudia foi agredida verbalmente pelo filho do proprietário, conhecido como Inacinho nesta quarta, já hoje, a agressão teria partido do pai, Inácio Gouveia. A jovem afirmou que o homem teria tentado empurrar a mãe da escada e a mulher passou mal durante a confusão e precisando ser socorrida pelo SAMU.

A filha informou que ela apresentava um lado do corpo paralisado quando foi levada ao hospital. A vítima informou que vai procurar a delegacia para fazer um Boletim de Ocorrência.

Marília Domingues / Washington Luis