Doze guerrilheiros morrem em ações militares na última semana na Colômbia

Asfarc colombiaDoze guerrilheiros das Farc e do ELN morreram em operações militares na última semana na Colômbia, enquanto 30 foram detidos, informou neste sábado o Ministério da Defesa do país.

Segundo o ministro da Defesa, Juan Carlos Pinzón, além dos mortos e detidos, há “um número muito significativo de desmobilizados” que eleva para 76 o total de homens perdidos pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e pelo Exército de Libertação Nacional (ELN) na última semana.

As operações aconteceram principalmente nos departamentos de Meta (centro), Antioquia (noroeste) e Caquetá (sul), acrescentou a informação.

O ministro disse, além disso, que as desmobilizações “são um sinal importante que demonstra que esta gente (a guerrilha) está buscando a proteção da Polícia”.

Pinzón informou também que as autoridades frustraram este sábado um atentado terrorista no departamento de Huila (sul), onde foram detectados e desativados explosivos instalados supostamente pelas Farc em uma estrada.

 

Noticiário Internacional