Efraim Morais fica em cima do muro e não fala sobre possível rompimento de Cássio e Ricardo Coutinho - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Efraim Morais fica em cima do muro e não fala sobre possível rompimento de Cássio e Ricardo Coutinho

Efraim paiEntre a “cruz e a espada” o ex-senador Efraim Morais, presidente estadual do DEM, evitou falar sobre o posicionamento do seu partido em caso de rompimento da aliança entre o senador Cássio Cunha Lima e o governador Ricardo Coutinho.

A iminência do fim da aliança ganhou novo capítulo com asdeclarações do senador Cássio dizendo que não frustraria a vontade dos paraibanos que a manutenção da aliança depende de uma avaliação do governo.  Efraim disse que não falaria sobre o assunto, enquanto nada se concretizasse, ficando assim, “em cima do muro”. “Não tenho nada a declarar enquanto for tudo especulação”, declarou. O DEM foi o primeiro partido a declarar apoio a Ricardo Coutinho em 2010 e Efraim foi candidato a senador na chapa encabeçada pelo socialista.

Efraim Filho  – Mais objetivo que o pai, o deputado federal Efraim Filho garantiu o partido dos Democratas poderá sim, novamente, atuar como o fiel da balança nas eleições deste ano por ser um partido de grande força política dentro da Assembleia Legislativa com a maior bancada parlamentar de apoio ao governo do Estado, maior que a do PSDB e ainda que a do PSB do próprio governador Ricardo Coutinho. “Ainda por ser o segundo partido com maior número de filiados na Paraíba, nós temos sim essa capacidade de ser o fiel da balança porque temos a rigor um Estado dividido e as forças políticas intermediárias acabam tendo um papel preponderante nas eleições locais”, disse. Sobre a possibilidade de o senador Cássio Cunha Lima vir a se candidatar ao governo do Estado em 2014, o deputado enfatizou que no campo das análises políticas pode-se trabalhar em cima de hipóteses e conjecturas, porém o Democratas não e, ainda, nem se reuniu para falar sobre tal cenário.

Conforme o deputado, como o senador Cássio ainda não se definiu sobre o seu futuro político, especificamente sobre a possibilidade de ser candidato ou assumir essa candidatura, o DEM trabalha 2014 com a manutenção da aliança em 2010, aliança na qual estiveram no mesmo palanque Cássio, Ricardo e o seu pai, Efraim Morais, hoje secretário da Infraestrutura do Estado.

Severino Lopes

PBAgora