Elton John critica retirada de livros sobre gays de escolas em Veneza

elton jhonO músico Elton John criticou o prefeito de Veneza, Luigi Brugnaro, por ordenar a retirada de livros infantis que retratam famílias formadas por casais gays das escolas da cidade. Para o cantor, a decisão mostra que o prefeito defende uma sociedade “discriminatória e que promove a ignorância”. Sob comando de Brugnaro, eleito em junho, a prefeitura da cidade italiana recolheu inicialmente 49 títulos com temática antidiscriminação das salas de aula. O prefeito alegou que estava pensando “na maioria das famílias, que tem um pai e uma mãe”.

Em resposta, mais de 250 autores solicitaram que seus livros também fossem retirados das escolas. A lista inicial de 49 obras foi então reduzida para duas, ambas relacionadas com a homossexualidade, de acordo com a divisão italiana da associação de escritores PEN, que condenou o banimento.

Elton John se uniu às manifestações por meio de um post no Instagram, mostrando um dos livros preferidos de sua família: The Family Book, de Todd Parr. “O livro mostra um mundo inclusivo em que as famílias aparecem em todas as formas, tamanhos e cores”, escreveu o músico na legenda. Ele continua, sobre Brugnaro: “Ele estupidamente escolheu politizar livros das crianças ao banir títulos que mostram famílias do mesmo sexo vivendo felizes para sempre”.

(Com Estadão Conteúdo)