Em jogo de pênalti perdido e duas expulsões, Botafogo vence Sol de América no Paraguai

Em jogo de pênalti perdido e duas expulsões, Botafogo vence Sol de América no Paraguai

Sol de América e Botafogo se enfrentaram nesta quarta-feira, no Estádio Luis Alfonso Giagni, em Assunção, capital do Paraguai, pelo jogo de ida da segunda fase da Sul-Americana. O Alvinegro venceu por 1 a 0. Depois de um primeiro tempo sem gols, o Bota, que jogou com um a mais na maior parte do jogo, abriu o placar aos 27 minutos da etapa final, com Erik. O time brasileiro controlou o jogo e garantiu a vitória e a vantagem para o jogo de volta, no Rio de Janeiro. Foi um jogo intenso, com pênalti perdido e duas expulsões.

  • Resumão

    O primeiro tempo teve de tudo no Estádio Luis Alfonso Giagni. Em resumo, o jogo favoreceu ao Botafogo, que não soube aproveitar. Aos 22 minutos, Clar teve a chance de colocar o Sol de América na frente, mas cobrou pênalti no travessão. Aos 31, Pardo foi expulso. Com um a mais, o Alvinegro pressionou o adversário, mas faltou ser efetivo. O time de Barroca teve mais a bola, mas sem agressividade – a criação voltou a ser problema. A única grande chance saiu aos 47, com Diego Souza finalizando para ótima defesa de Escobar.

    Sol de América x Botafogo

    Sol de América x Botafogo (Foto: Reprodução/Twitter do Sol de América)

    O Botafogo voltou mais ligado para a segunda etapa e, logo nos primeiros minutos, conseguiu criar mais chances do que no primeiro tempo. A grande oportunidade apareceu aos 10 minutos: Erik saiu na cara do gol, driblou o goleiro e cruzou para Diego Souza cabecear – Clar salvou em cima da linha e, no rebote, Alex Santana mandou para fora de voleio. Com os atacantes se movimentando mais e Alex Santana mais próximo da área, o Alvinegro melhorou. Mais agudo, os cariocas chegaram ao gol aos 27 minutos: Erik aproveitou erro do goleiro Escobar para mandar para as redes. No fim, ainda perdeu um jogador: Jean foi expulso aos 40 minutos, mas o os cariocas conseguiram controlar a vantagem.

  • Erik de novo

    O camisa 11 do Botafogo mais uma vez se destacou na Sul-Americana. Com três gols na primeira fase, nos jogos contra o Defensa y Justicia, o atacante voltou a marcar diante do Sol de América: o gol anotado aos 27 minutos da segunda etapa colocou o Alvinegro em vantagem para a partida de volta. Erik reforçou a artilharia da competição, com quatro gols. O jogador é também artilheiro do Botafogo na temporada: balançou as redes em nove oportunidades.

    Erik comemora gol no Paraguai

    Erik comemora gol no Paraguai (Foto: Andrés Cristaldo)

  • Que isso, Jean

    Jean não aproveitou sua primeira chance com Eduardo Barroca: o volante substituiu Leo Valencia aos 38 minutos da etapa final, mas só ficou dois minutos em campo. Em sua primeira participação no jogo, foi expulso por deixar o braço no rosto de Villagra.

  • Sequência

    O jogo de volta contra o Sol de América será na próxima quarta-feira, também às 19h15, no Nilton Santos.

    .Antes, o Botafogo tem compromisso pelo Campeonato Brasileiro: neste sábado, o time enfrentará o Palmeiras, às 16h, no Mané Garrincha, em Brasília, pela sexta rodada do Brasileirão.

    G1-Globo