Em jogo fraco, Boca Juniors empata com LDU, mas avança para semifinal

Em jogo fraco, Boca Juniors empata com LDU, mas avança para semifinal

Não foi um jogo típico de quartas de final de Libertadores. Em um jogo sem grandes emoções, o pouco inspirado Boca Juniors apenas empatou em 0x0 com a LDU e está classificado para a semifinal da Libertadores. Na ida, o time Xeneize venceu fora de casa por 3×0.  O Boca Juniors espera agora o adversário que sai do confronto entre Cerro Porteño e River Plate, que jogam no Paraguai.

Na ida, a equipe argentina, atual campeã do torneio, venceu por 2×0.  Boca é melhor em um primeiro tempo morno Apesar de ter construído o placar favorável de 3×0 no Equador, foi o Boca Juniors que começou a partida querendo a vitória. Logo aos quatro minutos, Capaldo recuperou a bola e arriscou de fora, mas o goleiro Gabbarini fez defesa segura. Depois, foi a vez de Ábila chutar rasteiro rente à trave.

Lisandro López, que de cabeça, por duas vezes, quase fez o primeiro dos Xeneizes. Na primeira, o goleiro da LDU fez a defesa. Na segunda, a bola passou perto da meta adversária. A LDU só conseguia parar os ataques do Boca com faltas, e antes dos 20 minutos, três jogadores já haviam recebido o amarelo. A grande chance dos visitantes na primeira etapa foi com Ayoví.

O atacante foi lançado, ganhou do zagueiro e bateu cruzado para fora. Alcívar ainda tentou em cobrança de falta, mas jogou por cima do gol argentino. A nota triste do primeiro tempo foi a grave lesão de Christian Cruz, volante da LDU. O jogador foi interceptar um chute, prendeu o pé no gramado e fraturou o tornozelo esquerdo.

Ritmo de treino segue nos 45 minutos finais O Boca repetiu a estratégia do primeiro tempo, de tentar o gol nos primeiros minutos. Villa foi lançado, abriu espaço e bateu colocado no travessão. Tévez cruzou para a área, mas Soldano cabeceou fraco, sem perigo. Aguirre respondeu em falta cobrada por cima do gol de Andrada. A LDU perdeu um gol incrível aos 28.

Cazares roubou do zagueiro e tocou para Aguirre, cara a cara com o goleiro Andrada. O atacante demorou a chutar, se atrapalhou com a bola e foi desarmado. Julio ainda tentou aproveitar o rebote, mas o chute saiu travado.  Mac Allister cobrou falta e obrigou Gabbarini a espalmar para fora. Na cobrança de escanteio, o meia tentou o gol olímpico e acertou a junção das traves.

Tévez recebeu e deu um passe primoroso para Soldano. O atacante, livre, chutou muito mal, à direita do gol da LDU. Já no final, De Rossi tentou aproveitar rebote de Gabbarini, mas o goleiro evitou que o placar saísse do zero. Fim de jogo.

O Gol