Em jogo sem grandes lances, Coruripe só empata com Campinense

coruripe 12Ambos invictos no campeonato, os dois times entraram em campo em situações bem diferentes. A Raposa tinha três jogos, sendo duas vitórias e um empate, o que lhe garantiu a primeira colocação no grupo. Já o Coruripe, com dois jogos e dois empates, lutava pela primeira vitória no campeonato.O JOGO
O Coruripe dominou o jogo do início ao fim. O time da casa teve mais chances de gols e buscou mais jogo, dando poucas oportunidades para que a Raposa encontrasse espaço em campo, mas a pressão não foi o suficiente para impedir que o time visitante arrancasse o empate.

Campinense arrancou empate no final do jogo contra o Coruripe

Campinense arrancou empate no final do jogo contra o Coruripe

O resultado da pressão foi visto logo aos 25 do primeiro tempo, quando após uma falha da defesa campinense, Marcio Lima cruzou do lado direito para Thiago Lima, que estava livre para receber perfeitamente e marcar o gol que garantiu a vitória do time da casa.

Realizando uma partida irreconhecível, o Campinense só conseguiu se firmar em campo no segundo tempo, onde apesar do Coruripe controlar sua maior parte, conseguiu arrancar um gol aos 43 minutos, quando após uma jogada de escanteio de Negretti, Tiago Sala conseguiu o domínio da bola para empatar o placar.

Com o placar o Campinense ainda é líder isolado do Grupo A3 com 8 pontos. Já o Coruripe alcança os 3 pontos e consegue a vice-liderança do grupo, passando o Serra Talhada-PE, que possui 3 pontos, e agora é o terceiro colocado do grupo.

FICHA TÉCNICA

Coruripe 1 x 0 Campinense

Árbitro: Johnn Herbert Alves Bispo (BA)
Assistentes: Rondinelle dos Santos Tavares (AL), Raquel Ferreira Barbosa (AL)
Cartões amarelos: Negretti (Campinense)
Cartões vermelhos: Tiago Lima (Coruripe)
Gols: Tiago Lima (Coruripe), Tiago Sala (Campinense)

CORURIPE
Rudison, Márcio Lima, Beto, Fernando Belém e Diego Aragão; Mazinho, Micheel, Tiago Lima e Fabiano (João Paulo); Aurélio e Etinho.
Técnico: Evandro Guimarães

CAMPINENSE
Glédson, Everaldo (Gil Bala), Joécio, Tiago Sala e Ronael; Negretti, Magno, Felipe Ramon (Canga) e Valdeir (Renan Almeida); Rodrigão e Túlio Renan.
Técnico: Francisco Diá

Gazeta Alagoana