Empresário é preso por fraude na compra e venda de veículo em João Pessoa

Empresário é preso por fraude na compra e venda de veículo em João Pessoa

riquinhoUm empresário de 28 anos foi preso em casa, neste sábado (3), no bairro de Tambauzinho, em João Pessoa. Nuno Henrique Maia Teixeira Filho, conhecido como ‘Riquinho’, tinha um mandado de prisão em aberto por estelionato por fraude na negociação de veículos.

Segundo o delegado Lucas Sá, titular da Delegacia de Defraudações de João Pessoa, o preso é suspeito de integrar uma associação criminosa especializada na negociação fraudulenta de veículos e obter um lucro superior a oitocentos mil reais. As investigações começaram há quase dois meses depois da prisão de uma gaúcha que tentava comprar um veículo importado com documentos falso. Fotos e identificação do suspeito foram divulgadas pelo delegado.

“Riquinho é investigado pela Defraudações há mais de um mês, por envolvimento em diversas negociações fraudulentas de veículos e atuação em conjunto com pelo menos mais três outras pessoas, responsáveis pela negociação de dezenas de veículos e que resultaram em um prejuízo inicial apurado superior a R$ 800.000,00”, adiantou o delegado.

Ainda de acordo com a autoridade policial, “um de seus comparsas, conhecido com Bruno Rato’, foi preso na quinta (1º), pelo mesmo crime. Os outros dois membros da associação criminosa permanecem foragidos”, disse.

Nuno Henrique foi levado para a Central de Polícia Civil, no bairro do Geisel, de onde será transferido para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, onde ficará a disposição da justiça.