Encontro de prefeitáveis em casa da cidadania, pode mudar rumo de candidatura em Santa Rita

João Júnior encontroComo diz o ditado antigo,“cobra que não anda não engole sapo” ou “quem não se comunica se trumbica” como dizia o apresentador “Chacrinha”, foi o que aconteceu nesta segunda-feira (17), em um encontro casual que gerou um bate papo político entre os pré-candidatos a prefeito pela cidade de Santa Rita, na casa da cidadania, entre eles, o prato degustado foi á política da cidade com o rumo á prefeitura.

A reportagem do Paraíba Urgente teve acesso a esse dialogo, entre ambos os pré-candidatos de partido opostos más com pensamentos e idéias diferentes o vereador João Júnior (PSB), o vice-prefeito Netinho e o ex-vereador Moza do PT, todos com o mesmo objetivo a prefeitura, ou o linguajar popular como fala o cidadão santarritense, “á viúva”, um pouco diferente apenas para o vice-prefeito Netinho que degustou nove (9) que assumiu a gestão, pelo qual o atual prefeito foi afastado,pois bem:

Antecipados do pleito eleitoral, os pré-candidatos debateram o cenário político o critério e os meios para se chegar á prefeitura de Santa Rita, todos em um patamar de igualdade, o diálogo se estendeu, e o papo era a eleição, as alianças de quem chegaria em primeiro na frente, ou levando alguém ou um puxando ao outro, escapou para a reportagem do portal de que o vereador João Júnior revelou que a conversa obtida teve mais pontos de convergência de que de divergência”, disse.

“Política se faz com alianças e eleição se vence com grupo, nada mais natural de que o tema discutido no encontro se levado em conta ao grupo partidário, mesmo de forma tanto quanto  prematura de que não se sabe como os partidos vão se comportar, e o cenário  como vai caminhar a partir do próximo de 2016, tiramos uma linha de direcionamento, para que no próximo ano agente possa convergir em ‘um nome daquele que estiver posicionado nas pesquisas para vencer o pleito’, o fortalecimento de uma candidatura para chegar a seu objetivo”, declarou João Júnior.

João Júnior disse ainda que os pré-candidatos Moza e o vice-prefeito Netinho estão tranqüilos e continuam cada um em seu partido trabalhando a construção de suas candidaturas, “estamos dialogando com todos os partidos e a sociedade, e no momento certo iremos agrupar as forças para direcionar uma candidatura única”, revelou o pré-candidato.

A reportagem colheu ainda que esse agrupamento de partidos e nessa conversa casual deixou a entender que se dará uma união de forças para se combater e enfraquecer outro grupo quera aliado, e que após vencer uma eleição se distanciou daqueles que ajudaram a elegê-lo para o parlamento legislativo estadual.

Lamartine do Vale, do Paraíba Urgente.