Estudantes denunciam Unipê por venda casada em formatura

Estudantes denunciam Unipê por venda casada em formatura

Em entrevista ao Portal, o secretário do Procon-JP, Helton Renê disse que diversas instituições já foram autuadas e que o caso será levado a Justiça. (Foto: Reprodução)

Estudante denunciaram ao Portal ClickPB que foram proibidos de usar celulares e máquinas fotográficas durante solenidade de formatura realizada na última terça-feira (27), no espaço do Teatro Pedra do Reino, no Centro de Convenções de João Pessoa.

Durante toda essa semana 1600 alunos de 24 cursos do Centro Universitário de João Pessoa – Unipê participam da solenidade de Colação de Grau 2019.1. A cerimônia oficializa a conclusão de curso dos estudantes da Instituição e ocorrerá durante toda essa semana até o dia 31 de agosto.

Em entrevista ao Portal, o secretário do Procon-JP, Helton Renê disse que diversas instituições já foram autuadas e que o caso será levado a Justiça. “Já tínhamos notificado diversas instituições de ensino por essa prática abusiva que voltou a lesar consumidores, mas dessa vez entraremos com uma Ação Civil Pública na Justiça. Essas denúncias dão conta de venda casada e outros abusos. A universidade não é autorizada a fazer venda de produto até porque o CNPJ é unicamente dedicado a educação. Tem lei municipal que trata esse assunto e não iremos permitir esse descaso com o consumidor”, explicou.

Ainda segundo ele, a prática lesa o consumidor, pois fere a livre escolha que é um direito básico garantido por lei.

Confira abaixo a foto com a proibição:

ClickPB