Ex-diretor de cadeia pública é morto a tiros em frente à casa de vizinho, em Rio Tinto, PB

Um ex-diretor da Cadeia Pública de Rio Tinto, no Litoral Norte da Paraíba, foi morto a tiros no final da tarde desta terça-feira (5). Segundo informações do major Alberto Filho, Josenildo Adelino de Farias, de 58 anos, estava sentado na frente da casa de um vizinho, onde costumava ficar todas as tardes, quando o crime aconteceu.

De acordo com a Polícia Militar, dois homens armados chegaram ao local em uma motocicleta de cor preta, com capacetes e atiraram contra o ex-diretor. Os suspeitos fugiram em direção ao município de Mamanguape.

Segundo o major, a vítima estava afastada do cargo de ex-diretor da Cadeia de Pública de Rio Tinto há cerca de oito anos. Ele contou que a polícia está procurando imagens de câmeras de segurança de estabelecimentos da região, que ajudem a identificar a dupla suspeita de cometer o crime para solucionar o caso.

A polícia ainda não tem uma linha de investigação, mas acredita que o crime foi premeditado. Os suspeitos teriam circulado pela cidade para estudar a rotina da vítima e o momento que não houvesse policiamento por perto.

G1PB