Felipão critica forma com que usam o VAR: “Quem manda no jogo é a cabine”

No jogo de ida da semifinal do Paulista, São Paulo e Palmeiras ficaram no 0 a 0, neste domingo, no Morumbi. Em campo, o lance mais polêmico foi o VAR ter feito a arbitragem voltar atrás em um pênalti sofrido por Dudu. E a jogada foi tema da coletiva de Felipão.

Em uma das respostas, o comandante do Verdão disparou contra as intervenções da tecnologia no futebol. Segundo ele, o árbitro de jogo – no caso, Vinícius Furlan – não tem mais autoridade para tomar decisões:

“Quem manda no jogo é a cabine. O árbitro não tem mais autoridade nenhuma. Zero. Não é por causa do jogo de hoje, é no Rio, em todos os lugares. Que o árbitro tenha capacidade de decidir em campo ou vai decidir pela televisão. Se decidir pela televisão, posso mexer um pouco para lá, um pouco para cá”, afirmou Felipão, que completou:

“Vou nem discutir se foi pênalti ou não. O jogo foi bom. Os jogadores foram bem, o nosso time, o do São Paulo. Gostei da forma que o São Paulo modificou o time, ótimo ver o trabalho bem feito, e o meu time também, no Paulista e Libertadores”, finalizou.

Enquanto o Tricolor descansa, o Palmeiras jogará pela Conmebol Libertadores contra o San Lorenzo, terça-feira, às 19h,

Fox Sports