Festa tradicional dos EUA, Halloween ganha força em Brasília - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Festa tradicional dos EUA, Halloween ganha força em Brasília

raluimDoce ou travessura? Apesar de não estarmos nos Estados Unidos, amanhã, muitas crianças brasilienses vão pegar a vassoura, caprichar na fantasia de caveira ou de zumbi e curtir o Dia das Bruxas, tradicional festa da cultura norte-americana que faz alusão aos mortos. Nada mais natural para a meninada que adora passar férias na Disney, não desgruda dos programas da tevê a cabo e conhece todo os sucessos do One Direction e da Rihana.

A empolgação é tanta que movimenta lojas de fantasias, de artigos de decoração e mobiliza também os mais crescidos. Os alunos do câmpus de Planaltina do Instituto Federal de Brasília, instituição de ensino técnico, vão ter uma aula diferente hoje. “Aproveitamos a data para aliar as línguas estrangeiras a questões culturais. Fazemos isso com o inglês e o Halloween. E o mesmo com o espanhol e o Dia dos Mortos. Eles desenvolvem pesquisas e comparam com as tradições brasileiras”, explica a professora Márcia Maria dos Santos. Há 20 anos em sala de aula, ela explica que sempre aproveitou a data para ampliar a visão dos alunos sobre os costumes de outros povos.

É com esse argumento que a maioria das escolas da cidade promovem comemorações alusivas ao Dia das Bruxas. Apesar de ser uma festa típica dos Estados Unidos, a tradição tem origem celta. De acordo com a crença, nesse período, os mortos voltavam ao mundo dos vivos para visitar parentes e amigos. Com medo, a fim de espantar esses espíritos, muitas pessoas passaram a ornamentar as casas com enfeites assustadores, gatos pretos, abóboras estilizadas, velas e caveiras. Aos poucos, os norte-americanos adotaram novos costumes e, na véspera do Dia de Todos os Santos, as crianças saem fantasiadas para as ruas e batem à porta dos vizinhos para pedir balas e chocolates.

 

CORREIO BRAZILIENSE