João Pessoa 12/12/2018

Início » Notícias » Final da Libertadores será fora da Argentina e no segundo fim de semana de dezembro

Final da Libertadores será fora da Argentina e no segundo fim de semana de dezembro

Benedetto perdeu gol no final contra o River

Teremos, sim, um jogo final da Libertadores. Após a confusão de Nuñez no último fim de semana, a Conmebol confirmou que os rivais argentinos, Boca Juniors e River Plate, se enfrentarão, sim, no jogo derradeiro da competição, mas fora da Argentina.

A entidade informou que o jogo decisivo, após empate em 2 a 2 na Bombonera, e sem a realização do duelo no Monumental, será realizado no segundo fim de semana de dezembro, ainda sem um dia ou hora certo, em um país ainda a ser definido.

“Entendemos que não existam condições para que a partida seja disputada na Argentina”, argumentou Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol.

Toda confusão começou quando o ônibus do Boca foi apedrejado na entrada do Monumental de Nuñez. Jogadores se feriram pelos estilhaços dos vidros quebrados e sofreram com o efeito do gás de pimenta utilizado pela polícia local para afastar os vândalos.

A Conmebol, junto com a Fifa, tentou de várias formas que o duelo fosse no mesmo sábado. Depois, remarcou a partida para domingo. Nenhum dos clubes quis jogar ainda no sábado. O Boca seguiu reclamando que não jogaria no domingo. Foi necessária outra reunião, nesta terça, para definir uma nova data, e local. Ou não definir, mas ao menos confirmar que estes existirão.

O presidente do Boca, Daniel Angelici, chegou a pedir que o título fosse dado ao clube xeneize. A decisão da Conmebol não foi tão radical. O jogo acontecerá, mas não na casa do River. Miami, Doha e Assunção são as cidades comentadas como opções. A Conmebol decidirá o destino e arcará com passagens e hospedagens.

O Gol