Flávio Moreira diz que dissolução do Diretório Estadual do PSB foi um golpe fraudulento e covarde

O advogado Flávio Moreira, ex-secretário-geral do PSB e autor do pedido da lista de assinaturas dos membros do partido que resultou na dissolução do Diretório Estadual, disse nesta terça-feira (1), que a destituição foi feita de forma fraudulenta.

Em contato com o Blog do Anderson Soares, Moreira garantiu que as assinaturas dos suplentes são irregulares e outras precisam ser submetidas a exames grafotécnicos. Ele ressaltou ainda, que a lista consta assinaturas de quem não autorizou.

“Recebi ontem da Executiva Nacional a lista de renúncia do Diretório do PSB. Não contém o número de assinaturas suficientes, tem assinatura de quem não autorizou, de gente que nem fazia parte do diretório. Outras deveriam passar por um exame grafotécnico. De toda forma, o que se tem de certeza é que com essa lista o diretório não poderia ser dissolvido. Foi um GOLPE, fraudulento e covarde”, afirmou Moreira.

Anderson Soares