Fluminense derrota o São Paulo no Maracanã: 2 a 0

Fluminense derrota o São Paulo no Maracanã: 2 a 0

flu vence s.pauloMarcos Júnior comemora o segundo gol do Fluminense – Alexandre Cassiano

O Fluminense entrou em campo pelo Brasileiro, mas o jogo desta quarta-feira contra o São Paulo ia além de mais uma rodada do campeonato. A vitória por 2 a 0, no Maracanã, serviu para o time praticamente afugentar o risco de rebaixamento e se concentrar apenas no que interessa: as semifinais da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira, contra o Palmeiras. Agora, o técnico Eduardo Baptista poderá avaliar se levará o time titular para enfrentar o Cruzeiro, em Belo Horizonte, domingo.

TABELA: Confira os jogos e a classificação do Brasileiro

A atitude dos jogadores em campo seguiu essa linha. O time procurou a vitória do jeito que pôde, apostando na velocidade de Gustavo Scarpa e Marcos Júnior, no toque de bola de Gerson e na presença de área de Fred.

Porém, o São Paulo não parecia disposto a ajudar os planos do tricolor carioca. Aos 18, Paulo Henrique Ganso colocou a bola no travessão de Diego Cavalieri. Dez minutos depois, foi a vez de Luís Fabiano subir sozinho na área e cabecear. Desta vez, o goleiro defendeu sem dificuldades.

Do outro lado, Rogério Ceni não teve a mesma sorte. Aos 30, Gustavo Scarpa cobrou escanteio e Fred se livrou da marcação de Luís Fabiano para abrir o placar de cabeça. Jogada insistentemente ensaiada por Eduardo Baptista durante a paralisação do Brasileiro.

A vantagem no placar não mudou muito o futebol das duas equipes. O Fluminense manteve a forte marcação ao meio-campo são paulino, que teve dificuldades em levar a bola até o gol de Cavalieri. No entanto, os cariocas também não tiveram liberdade para encontrar o caminho do gol.

No intervalo, os dois técnicos mudaram o meio-campo. O estreante Doriva tirou Hudson e colocou Wesley; Baptista sacou Gerson para a entrada de Vinícius. A troca do Fluminense surtiu efeito quase imediato. Aos quatro minutos, o meia puxou contra-ataque e rolou para Marcos Júnior, na direita. O atacante driblou o zagueiro e colocou no ângulo de Ceni.

Apesar dos 2 a 0 no placar, o São Paulo não se entregou. Por duas vezes, a bola passou rente à trave esquerda de Cavalieri em finalizações de Luís Fabiano e Pato. Por fim, o Fluminense alcançou seu objetivo.

FLUMINENSE 2 X 0 SÃO PAULO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)

Auxiliares: Carlos Berkenbrock (SC) e Helton Nunes (SP)

Renda/Público: R$ 288.035,00 / 8.357 pagantes

Cartões Amarelos: Hudson, Alexandre Pato, Ganso e Rodrigo Caio (SAO)

GOLS: Fred, 30’/1ºT (1-0) e Marcos Júnior, 3’/2ºT (2-0)

PUBLICIDADE

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Higor Leite, Gum, Marlon e Breno Lopes; Jean, Cícero, Gustavo Scarpa, Gerson (Vinicius, intervalo) e Marcos Júnior (Osvaldo, 18’/2ºT); Fred (Wellington Paulista, 39’/2ºT) Técnico: Eduardo Baptista

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Lucão, Rodrigo Caio e Matheus Reis; Hudson (Wesley, intervalo), Thiago Mendes (Daniel, 38’/2ºT) e Ganso; Rogério (Centurión, 15’/2ºT), Alexandre Pato e Luís Fabiano Técnico: Doriva
Fred comemora com Gerson e Scarpa mais um gol no BrasileiroFoto: Alexandre Cassiano / Agência O Globo

O Globo