Ganso reclama por não ter batido pênalti

Ganso reclama por não ter batido pênalti

ganso penaltiO São Paulo derrotou o Oeste, por 2 a 1, com gol de Maicon no final do duelo, na noite em que o Tricolor voltou a jogar no Morumbi. A vitória sofrida poderia ter sido mais fácil se o zagueiro não tivesse desperdiçado uma penalidade sofrida por Calleri e defendida por Leandro Santos – a quinta seguida que a equipe desperdiça.

Paulo Henrique Ganso, que perdeu contra o Trujillanos, na Libertadores, saiu do gramado irritado por não ter sido o responsável pela cobrança do pênalti, mas disse que o mais importante foi a vitória.

“Professor decidiu quem cobraria o pênalti e aqui tem que ter ordem. O importante é que conseguimos a vitória”.

Já o zagueiro, pediu desculpas pelo erro e evitou entrar em polêmica com o camisa 10.

“Infelizmente errei a penalidade, mas eu corri até o final atrás do resultado. Assumo a culpa, pedi para bater e errei. Mas graças a Deus fui coroado com o gol”.

“Eu treinei ontem, estava confiante. Temos que, treinar aprimorar mais para que na próxima oportunidade possamos converter. Nós dois tínhamos treinado e eu pedi para bate. E se eu tiver outra oportunidade, eu bato. Precisamos assumir a responsabilidade e eu não fujo nesse momento. Mas o importante é que no final eu consegui ajudar o time”, concluiu Maicon.

Com a vitória, o São Paulo se firmou na vice-liderança do Grupo C do Paulistão, com 22 pontos, dois a menos que o Audax. Já classificado para a próxima fase, o Tricolor só cumpre tabela contra o São Bento, fora de casa, no domingo.

Mas antes, na terça-feira, a equipe decide seu futuro na Libertadores contra o Trujillanos, da Venezuela, no Morumbi.

Band