Garota de 18 anos é flagrada com R$ 21 mil em notas falsas

Garota de 18 anos é flagrada com R$ 21 mil em notas falsas

Três dias após ser detida por fazer compras no comércio de Samambaia com cédulas falsificadas, Sara Aline Miranda, 18 anos, foi presa novamente pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) nesta sexta-feira (17/8), repassando novamente as notas falsas para comerciantes.

Os policiais foram acionados pelos lojistas que descreveram a figura da mulher, identificada rapidamente pelos militares. Eles voltaram à residência da suspeita, que estava em liberdade, pois ainda era menor de idade no dia em que a primeira ocorrência foi registrada.

Na residência, os militares encontraram R$ 21 mil em “notas perfeitas” encomendadas pelo Facebook, de acordo com a corporação. Ao chegar na casa, a PMDF notou que uma encomenda aguardava na porta da acusada.

Para a surpresa da polícia, dentro do envelope foram encontrados mais cédulas falsificadas vindas de São Paulo.

Na terça-feira (14), ela e o marido, de 20 anos, foram detidos pelo mesmo crime na QNP 32, em Ceilândia, enquanto tentavam comercializar 16 notas de R$ 100.

De acordo com os investigadores, o suspeito tem dois mandados de prisão em aberto por tráfico de drogas.

Metrópoles