Grupo político falta audiência que poderia cassar mandato do Prefeito de Bayeux - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Grupo político falta audiência que poderia cassar mandato do Prefeito de Bayeux

No mínimo suspeito, a ausência da vereadora Célia Domiciano (DEM), autora do processo, à Audiência de Instrução desta segunda-feira (3) que pede a cassação do prefeito de Bayeux, Expedito Pereira (PSB) e o vice-prefeito Francisco Nixon (PPS).

A 61ª Zona Eleitoral apura denúncias de crimes eleitorais supostamente cometidos durante a campanha de 2012.

A audiência foi presidida pelo juiz Antônio Rudimacy que ouviu o depoimento dos eleitos o prefeito de Bayeux, Expedito Pereira (PSB) e o vice-prefeito Francisco Nixon na AIJE (AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO JUDICIAL ELEITORAL) proposta pela Coligação Pra Cuidar de Bayeux que acusa os candidatos que venceram a eleição de terem supostamente comprado votos. Mesmo com ausência da parte autora, estiveram presentes, a advogada Elisabete Porto (representando o PTN) e a representação do Ministério Público.

Na Audiência, o atual prefeito negou que tinha cometido algum tipo de captação ilícita de votos, e revelou que a gravação onde uma suposta eleitora pede um emprego caso ele fosse eleito, foi uma forma de armação eleitoral. Na campanha tinha eleitores que pedia de tudo, teve gente que me pediu até uma Lua de Mel,? Como iria comprar votos se eu liderava todas as pesquisas de intenção de votos, se defendeu, Expedito.

Já o Dr. Francisco afirmou que tinha receitado remédios para alguns pacientes, mas não tinha precisão da data da emissão de tais documentos, e confirmou que atendia, em forma de plantão e semanalmente, pacientes em Santa Rita.

O que é de se suspeitar,  mesmo depois de juntar vários indícios, entre arquivos, documentos, gravações, o grupo liderado pelo deputado Domiciano Cabral (DEM) desiste de participar da audiência de instrução que pode levar a cassação do atual prefeito e vice de Bayeux.

No entanto, como não foi intimada as testemunhas da parte autora, a audiência foi adiada para o dia 01/07.

Blog do Berg Lima