Hulk lembra origem humilde e diz que teve vontade de ir a protestos - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Hulk lembra origem humilde e diz que teve vontade de ir a protestos

A onda de protestos pelas ruas do país tomou uma proporção enorme e chegou também à seleção brasileira. Na última segunda, aliás, um grupo de manifestantes chegou até a porta do hotel onde a delegação está hospedada. Nesta terça-feira, David Luiz e Hulk, em entrevista coletiva, fizeram coro em favor das manifestações.

Na Europa há muitos anos, o zagueiro do Chelsea, que agora vive em Londres, afirmou que isso não altera em nada o seu sentimento por melhorias no seu país de origem.

– Sou um brasileiro que vive fora, mas amo meu país. Sou a favor de uma manifestação pacífica. O cidadão tem direito. Basta o brasileiro estar unido e demonstrar aquilo que tem de melhor. O brasileiro é patriota, ama o país. Espero que possamos chegar a um consenso e ter um Brasil melhor no futuro.

Hulk, por sua vez, admitiu que ficou com vontade de se juntar às manifestações.

– Lógico que eu por vir de baixo e graças a Deus estar numa posição boa, bate uma vontade. Viver essa situação e saber que eles têm total razão e o que eles querem faz sentido. Temos que dar ouvidos ao manifesto. O Brasil precisa melhorar em muitas coisas e temos que dar oportunidade ao manifesto. Sentimos e sabemos que é verdade – disse o atacante do Zenit, completando que a realização de uma Copa do Mundo no país não foi algo precipitado.

– Não foi precipitado porque era um sonho do brasileiro ter essa competição por aqui. Sou a favor das manifestações. Até porque quando temos manifestações sabemos que o Brasil pode ser melhor.

Time concentrado

Um dos jogadores mais comunicativos entre os 23 convocados para a Copa das Confederações, David Luiz não acredita que as manifestações tiram o foco do time.

– Não nos tira o foco. Sabemos da nossa responsabilidade e o quanto lutamos para estar aqui. Mas é claro que nos preocupamos com o que está acontecendo, porque temos coração e somos brasileiros ? acrescentou o zagueiro.

Feliz com a oportunidade de passar mais de um mês no Brasil, em contato com o torcedor, David Luiz torce para que o país seja vitorioso além do futebol.

– O Brasil tem tudo para cada vez mais crescer e ser um país melhor ? finalizou.

Depois de vencer o Japão na estreia da Copa das Confederações, a Seleção volta a campo nesta quarta-feira, contra o México, no Castelão, em Fortaleza.

globoesporte.com