Idade mínima e aumento do tempo de contribuição são coração da reforma, diz diretor da IFI, vídeo

Idade mínima e aumento do tempo de contribuição são coração da reforma, diz diretor da IFI, vídeo

Segundo Salto, o que deve ocorrer para que o tempo de contribuição aumente é o crescimento econômico

A Instituição Fiscal Independente realizou um estudo detalhando o impacto do regime geral da reforma da Previdência que pode representar uma economia de R$ 715 bilhões em 10 anos.

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, o diretor da IFI, Felipe Salto, disse que o impacto de R$ 715 bilhões foi bem precificado e que é “Importante economia no regime geral”.

“Quando a gente abre esses dados, o peso de cada componente é significativo. O mais importante é a aposentadoria por tempo de contribuição. Tanto a idade mínima quanto o aumento do tempo de contribuição de 15 para 20 anos são o coração da reforma da Previdência, porque irão incentivar que as pessoas fiquem mais tempo no mercado de trabalho”, explicou.

Segundo Salto, o que deve ocorrer para que o tempo de contribuição aumente é o crescimento econômico. Com ele, há geração maior de empregos e recuperação de setores de maior valor: “não dá para depositar na Previdência as nossas angústias e expectativas a respeito de todos os outros problemas que acometem os brasileiros hoje”.

Confira a entrevista completa com o diretor da IFI, Felipe Salto:

  • Jovem Pan