Jesus marca, e Manchester City segue 100% na Champions

Gabriel Jesus foi o destaque da partida

A campanha do Manchester City na Liga dos Campeões segue vitoriosa. Na tarde desta terça-feira, o time de Guardiola venceu o Napoli por 2 a 1 e segue na liderança do Grupo F, com 9 pontos. Sterling e Gabriel Jesus marcaram os gols do City, enquanto Diawara diminuiu para os italiano.

A partida começou melhor para o Manchester City, mais ofensivo jogando em casa. Por ser visitante, o Napoli ainda hesitava mais, e o time de Pep Guardiola logo percebeu a fraqueza do adversário. Usando a pressão alta para roubar bolas no campo adversário, os donos da casa construíram uma bela jogada no primeiro gol da partida.

Aos 9 minutos de jogo, David Silva recebeu lançamento na ponta esquerda e fez jogada individual. O espanhol cruzou rasteiro e Gabriel Jesus tentou o chute, mas a bola explodiu na trave. No rebote, Sterling só empurrou para o gol livre.

Tirar o zero do placar animou a equipe do Manchester City, que seguiu pressionando a saída de bola e não deixando espaço para o Napoli jogar. Poucos minutos depois, De Bruyne avançou com a bola pela direita, entrou na área, cruzou rasteiro e Gabriel Jesus completou para o fundo das redes.

A vantagem no placar não diminuiu a intensidade do Manchester City, que continuou a assustar o goleiro Reina. Kevin De Bruyne chegou a explodir uma bola no travessão, mas ela quicou no gramado e não entrou. Na sequência, Gabriel Jesus arriscou um chute ainda caído e o zagueiro Koulibaly salvou em cima da linha.

Aos 37, Kyle Walker agarrou Raúl Albiol na área e o juiz assinalou corretamente o pênalti para o Napoli. Mertens foi para a cobrança mas bateu muito mal, no meio do gol, e o goleiro brasileiro Ederson não teve dificuldades para defender.

Já na etapa final, a intensidade da partida caiu e o Manchester City apenas se propôs a manter a posse da bola. Com o recuo dos citizens, o Napoli começou a se animar na partida, mas pecava na criação das jogadas. Quem chegou mais perto do gol foi o City com De Bruyne: em cobrança de falta, o belga quase colocou a bola lá dentro, mas Pepe Reina foi buscar e fez grande defesa.

Aos 27 minutos, o Napoli ganhou mais uma chance de de diminuir o placar. Fernandinho derrubou Faouzi Ghoulam na área e o juiz assinalou mais um pênalti para o time italiano. Dessa vez, Amadou Diawara foi para a cobrança e chutou forte no canto direito, sem chance para Ederson.

Com cinco minutos de acréscimos, o Napoli até tentou empatar, mas esbarrou na defesa do Manchester City e na falta de pontaria dos seus atacantes. Vitória dos citizens, que seguem 100% na Liga dos Campeões.

Na outra partida do Grupo C, o Shakthar Donetsk venceu o time holandês Feyenoord por 2 a 1, chegou aos 6 pontos na competição e ocupa a segunda colocação no grupo; o Feyenoord é o lanterna do grupo, com três derrotas e nenhum ponto conquistado.

Terra