João diz que o PSB está “desmanchando” e que dissolução em JP é consequência

iretório estadual na Paraíba.

Segundo Azevêdo o PSB precisa encontrar um caminho para o imbróglio.

“Isso é consequência exatamente da decisão tomada anteriormente. Eu acho que a forma como foi feita a dissolução do diretório estadual está gerando agora esta questão. Eu volto a dizer, o PSB vai ter que encontrar a sua saída” declarou.

O governador paraibano ainda disse respeitar a conduta dos aliados que optaram inicialmente por assinar a renúncia do diretório estadual, que teria culminado com toda a crise do partido.

“Eu tenho que respeitar a decisão das pessoas não tenho nenhum tipo de problema com relação a isso, eu acho que as pessoas tomam suas decisões e evidentemente que toda decisão tem consequência e essa decisão se mostrou equivocada” concluiu.

PB Agora