Josa de Nezinho revela que vereadores não atenderam o clamor das ruas em afastar o prefeito, diz vai se criar uma insegurança política - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Josa de Nezinho revela que vereadores não atenderam o clamor das ruas em afastar o prefeito, diz vai se criar uma insegurança política

JosaPresidente da Câmara Municipal de Santa Rita josa de Nezinho concedeu entrevista ao jornalismo do Paraíba Urgente, após sessão ordinária que foram votada e apreciada o acatamento da denúncia e o não  afastamento do prefeito Reginaldo Pereira por 180 dias, por irregularidades praticada nos primeiros nos primeiros 30 dias de governo através de uma medida provisória executado pagamento  de diversos funcionários sem amparo por lei.

O presidente avaliou como bastante positiva e democrática a sessão em que pela primeira vez no parlamento chegou uma matéria complicada para se votar haja vista tem vereadores que possuem opção partidária , mas os vereadores se comportaram muito bem estavam sabendo no que iam votar pelos quais foi enviada copias da ação quando chegou a Câmara Municipal e acataram a denúncia do cidadão e após votação pela  permanência do prefeito no cargo, a denúncia é um fato existente o plenário é soberano.

“Só que na cidade há um clamor de muita revolta e indignação popular pela saída do prefeito que em nove meses de mandato do cargo, que  até agora  não fez nada no município e o montante de recurso que entra mensal no município a cidade permanece suja com mais 800 mil mês do lixo mais caro da Paraíba, a cidade cheia de buracos, falta de medicamentos, sem as mínimas condições de trabalho para os profissionais de trabalho, alem do caos que permanece em Santa Rita que a população rejeita a permanência do prefeito no cargo, daqui pra frente acho que vai se criar uma insegurança política na cidade que a maioria dos vereadores não pensaram e não atenderam o clamor do povo, isso é muito perigoso”,  disse o presidente.

Conforme o presidente Joselito Carneiro foi aprovado uma Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI do Lixo, já sorteamos a comissão que vai investigar a denúncia do cidadão que foi acatada pela maioria dos vereadores hoje na Câmara e daqui pra frente a cobrança em cima do prefeito será redobrada pela população a pelos parlamentares de oposição que sua função fiscalizadora.

Segundo o presidente avaliou a sessão nas galerias lotadas com uma ansiedade pela votação dos quais 75 % que estavam defendendo a permanência do prefeito visivelmente eram cargos comissionados que vieram defender o emprego de João Pessoa e a população que não queria a permanência do prefeito ao lado observando o comportamento dos vereadores e o desenrolar do resultado da votação.

Por Fim, o parlamentar disse ainda que os vereadores da Câmara Municipal perdeu uma oportunidade de mudar os rumos e o destino da daquela casa parlamentar, o prefeito foi eleito com a maior promessa do mundo para melhorar a qualidade de vida da cidade que até agora não ocorreu e é desmando e mais desmando no com os recursos públicos, dos quais praticou diversos crimes graves e a população sofrendo e os vereadores da base de sustentação  do prefeito que acataram ele no poder vão pagar um preço alto, concluiu o presidente da Câmara Municipal principalmente o que vem ocorrendo em todo Brasil.

Lamartine do Vale, do Paraíba Urgente