Josival Pereira é nocauteado por colega de bancada durante programa de rádio

josival pereiraA imprensa paraibana protagoniza na tarde desta terça-feira, 13, um lamentável incidente entre colegas de trabalho. O radialista Ademar Nonato divulgou, agora a pouco, em seu programa vespertino FM Alerta, na Rádio 104 FM de Sousa, que ocorreu um incidente envolvendo dois comunicadores da Rádio tambaú FM, em João Pessoa.

Segundo a notícia divulgada por Ademar Nonato, o radialista, ex-vereador e ex-vice-prefeito da cidade sorriso, Thalles Gadelha, agrediu fisicamente o colega de bancada Josival Pereira, natural de Cajazeiras.

Nonato informou ainda que a confusão começou após Thalles sair do estúdio, discutir com Josival e dar-lhe dois socos no rosto. Thalles foi contratado para o Sistema Tambaú há poucos meses e acusa o cajazeirense de assediá-lo moralmente.

Procurado pela imprensa, Thalles disse que sofria assédio moral e agiu para defender sua honra, “ele estava achando que eu estava querendo o lugar dele e eu vim fazer o meu trabalho, mas para defender a minha honra eu faço o que for preciso, estou com meu advogado agora e tomarei as providências devidas porque Josival é acostumado a agir com autoritarismo com todo mundo e eu não aceito isso”.

Ele disse ainda que já tem reunião marcada com o superintendente do Sistema Tambaú de Comunicação para amanhã pela manhã.

No ar

A confusão pode ser acompanhada pelos ouvintes da rádio, segundo informações, Thalles teria feito comentário acerca da nomeação de Tatiana Medeiros para o governo do Estado e exagerou ao insinuar relação pessoal dela com o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo, Josivel teria chamado sua atenção, fora do ar, e Thalles deixou o estúdio da rádio.

Ao voltar do intervalo comercial, foi possível ouvir a entrada de Thalles no estúdio e a agressão física que levou Josival ao chão. A jornalista Cláudia Carvalho testemunhou a situação e tentou apaziguar os ânimos, mas o imbróglio chego às vias de fato.

Polêmica Paraíba