Jovens são assassinados quando usavam drogas em calçada de escola estadual

duplo homicídio 2Dois jovens foram assassinados a tiros quando consumiam pedras de crack na calçada de uma escola estadual na cidade de Alagoa Grande, a 104 km de João Pessoa, no Brejo paraibano. Felipe Silva dos Santos, 18, e Leandro da Silva Farias, 16 anos, morreram antes de receber atendimento médico. O crime ocorreu na noite dessa segunda-feira (4).

Segundo informações do cabo Joab de Oliveira, do 4º Pelotão de Alagoa Grande, as vítimas estavam consumindo drogas na localidade conhecida como ‘Morro do Cruzeiro’ quando, por volta das 21h30, dois homens chegaram a pé e efetuaram os disparos.

“Os jovens não tinham passagem pela polícia; eles eram apenas usuários de drogas. Pelo o que nós apuramos, os acusados são dois homens. Após os disparos os assassinos fugiram caminhando”, revelou o policial, acrescentando que um cachimbo – utilizado para uso de drogas – foi encontrado perto dos corpos.

Cabo Oliveira adiantou que a comunidade onde ocorreu o crime é bastante violenta e é palco de constantes brigas e troca de tiros. “O Morro do Careca é um local crítico. Estamos intensificando o policiamento na comunidade para diminuir o índice de violência. Muitos ex-presidiários, traficantes de outras cidades, inclusive de João Pessoa, residem lá”.

O policial militar confirmou que os responsáveis pelo crime ainda não foram presos, apesar das buscas na comunidade. A lei do silêncio prevalece.

Jovens morreram na calçada de escola Foto: jovens morreram na calçada de escola
Créditos: Portal do JúlioPortal Correio