Juiz determina retorno de Reginaldo Pereira e proíbe Câmara Municipal de votar novos afastamentos do prefeito

regi cassado um O juiz Sérgio Moura Martins determinou, no início da noite desta quarta-feira (2), o retorno imediato do prefeito de Santa Rita, Reginaldo Pereira, ao cargo e proibiu a Câmara Municipal de votar novos afastamentos. Em menos de um mês, os parlamentares aprovaram três afastamentos do chefe do Executivo, mas, com a nova decisão judicial, Pereira reassume o comando da prefeitura nesta quinta-feira (3).

De acordo com o advogado Eduardo Jonhson, um dos representantes de Reginaldo no caso, o prefeito já pode retomar o mandato, mas isso deve ser efetivado com a comunicação da decisão judicial à Câmara Municipal, o que deve acontecer na manhã desta quinta.

A decisão suspende o segundo e terceiro afastamento, além de suspender novas votações que tenham como objetivo afastar o prefeito do cargo.

Em sessões realizadas nos dias 20 e 24 de março, os parlamentares aprovaram dois outros pedidos de afastamentos do prefeito. Reginaldo é acusado pela Câmara de cometer improbidade administrativa.

Reginaldo Pereira já havia conseguido garantir o seu retorno após o primeiro afastamento.

Écliton Monteiro – MaisPB