Mais chuva atingem Litoral, Brejo e Agreste e Defesa Civil permanece em alerta - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Mais chuva atingem Litoral, Brejo e Agreste e Defesa Civil permanece em alerta

201306120652050000003824A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa) divulgou nesta quarta-feira um boletim prevendo mais chuvas nas próximas 24 horas para às regiões Agreste, Brejo e Litoral. De acordo com a previsão, a região do Sertão o céu deve ficar com muitas nuvens e propício a chuvas isoladas a qualquer hora do dia. Formações de nebulosidades vindas do oceano atlântico, junto à costa nordestina, deixam o céu nublado no setor leste do estado da Paraíba. No decorrer das próximas horas, poderão ocorrer eventos de intensidade moderada a forte, explicou o meteorologista Emerson Rodrigues.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Francisco Noé Estrela, a equipe do órgão está totalmente mobilizada para atender qualquer ocorrência. Ele explica que durante o último fim de semana, 17 chamadas foram atendidas e apenas hoje foram sete. Estrela explica que os danos só não foram maiores devido à ações preventivas, além de um plano de prevenção que vem sendo colocado em prática que inclui limpeza de rio e retirada de famílias de locais com alto risco. Foram retiradas, por exemplo, 70 famílias do Saturnino de Brito, cncluiu.

As cidades com os maiores índices pluviômetros entre às 9 horas da manhã de ontem e o mesmo horário desta quarta-feira (12) foram: João Pessoa (17,2 mm), Cabedelo (15,5 mm) e Alhandra (12,4 mm). Estamos acompanhando atentamente a intensidade das chuvas e os registros das últimas 24 horas estão dentro da normalidade. Contudo, no final de semana passado tivemos indicadores mais expressivos, completou Rodrigues, se referindo à precipitação do domingo passado, quando foram registrados 132,2 milímetros.

A expectativa dos meteorologistas é de que o índice pluviométrico da capital paraibana durante o mês de junho fique acima da média histórica, que é de pouco mais de 300 milímetros. Isso porque só nos primeiros 10 dias de junho choveu 75% do previsto para o mês inteiro.

Segurança – Diante dos números e com a previsão de mais chuvas para as próximas 24 horas a Aesa emitiu um aviso meteorológico aos órgãos de segurança para que fiquem atentos às áreas de risco nas regiões Agreste, Brejo e Litoral.

Quem precisar de ajuda pode ligar para a Defesa Civil Estadual (F: 199), Corpo de Bombeiros (F: 193), Polícia Rodoviária (F: 191) e Samu (F: 192).

da Redação (com assessoria)