Manifestantes vão às ruas contra governo Temer

protesto contra temerRio – Milhares de manifestantes enfrentaram chuva fina e frio na noite de sexta-feira, no Centro do Rio, para protestar contra o presidente em exercício Michel Temer. Entre discursos, gritos e palavra de ordem “Temer jamais!”, cerca de cinco mil pessoas, segundo os organizadores do ato, assistiram ao show de um grupo de samba, que cantou “Senhora liberdade”, de Nei Lopes e Wilson Moreira.

A manifestação criticou as primeiras medidas do governo do presidente interino. Entre elas, a dissolução de ministérios, incluindo as pastas de igualdade racial e direito das mulheres. No Centro de Porto Alegre, um grupo também com cerca de cinco mil pessoas, segundo os organizadores, marchou pelas ruas para protestar contra o governo Temer.

Em entrevista à imprensa estrangeira, no Palácio da Alvorada, a presidente afastada Dilma Rousseff disse ontem que teme o uso de “mecanismos ilegítimos” por parte do governo Temer contra movimentos sociais que farão oposição a ele. Cerca de 30 veículos estavam presentes.

“Não sei se não existe risco de reações violentas . Um governo ilegítimo sempre precisa de mecanismos ilegítimos para se manter no poder”, afirmou a petista, de acordo com a Agência Reuters. A exemplo do que disse nos dois discursos que fez no dia de seu afastamento, Dilma ressaltou que o governo federal, sob seu comando, não reprimiu nenhum ato de oposição.

Na entrevista, a presidente também se mostrou confiante na sua volta ao cargo. “Acredito na minha defesa. Viajarei para qualquer lugar que me convidarem para explicar os pontos do meu caso”, disse, segundo o Wall Street Journal.

O Dia