Manoel Júnior faz ponderações sobre ausência do PMDB na gestão Cartaxo e avisa: “Não queremos que JP seja divergência na aliança com o PT” - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Manoel Júnior faz ponderações sobre ausência do PMDB na gestão Cartaxo e avisa: “Não queremos que JP seja divergência na aliança com o PT”

download (6)O presidente da Comissão Provisória do PMDB e deputado federal, Manoel Júnior (PMDB) deixou clara sua insatisfação no que diz respeito a ausência do seu partido na gestão do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT). Para ele, o filiado Assis Freire que está a frente da Sedurb- Secretaria de DesenvolvimentoUrbano, não representa o PMDB na administração petista da Capital.

“Assis Freire tem filiação no PMDB, mas não foi em hipótese alguma uma indicação da legenda para compor a administração da Capital. O PMDB não faz parte da gestão do prefeito Luciano Cartaxo”.

Manoel Junior destacou que os vereadores da legenda estão na bancada do Governo, mas isso é normal como retribuição ao apoio dado para Cartaxo no segundo turno das eleições, mas enfatizou que a gestão não contempla o PMDB e isso não é bom.

“O vereador Milanez (PMDB) e João Almeida (PMDB) estão ajudando o prefeito, dando crédito de confiança a administração de Cartaxo que foi escolhido pelo povo, mas isso é perfeitamente normal, mas nós temos uma aliança nacional e não queremos que João Pessoa seja o ponto de divergência”.

Para finalizar, o deputado salientou que respeita e torce pela gestão petista, mas que não aceita essa ausência do PMDB na administração.

“Respeitamos e queremos que a administração de Cartaxo dê certo, mas o PMDB não participa do processo administrativo desta gestão e isso é importante que fique claro”, explicou.

Da redação com PB Agora