João Pessoa 13/12/2018

Início » Notícias » Maradona culpa presidente da Argentina por confusão na final River x Boca

Maradona culpa presidente da Argentina por confusão na final River x Boca

O ex-jogador Diego Armando Maradona, atual técnico do Dorados de Sinaloa do México, culpou neste sábado diretamente o governo do presidente da Argentina, Mauricio Macri, pelos incidentes que provocaram o cancelamentoda partida entre River Plate e Boca Juniors pela final da Copa Libertadores.

“O do meu país é lamentável. O presidente enganou muita gente que ia mudar isto e estamos pior que tempos atrás. O que Macri está fazendo é o pior de todos os tempos na Argentina. É um terror sair na rua, há roubos por todos os lados, mas esta é a mudança votada pelo povo”, declarou Diego Armando em entrevista coletiva.

Maradona disse estar consternado com o que aconteceu nos arredores do estádio Monumental de Nuñez, onde torcedores do Rivero atacaram o ônibus no qual os jogadores do Boca viajavam.

“Tive com isso na minha cabeça o dia todo, ódio, violência…”, disse.

As declarações foram dadas após Maradona classificar o Dorados de Sinaloa para a final da Segunda Divisão Mexicana na noite do último sábado. O time perdeu por 1 a 0 para o Juarez, mas garantiu a vaga por causa do 2 a 0 conquistado em casa. Na decisão, o time enfrentará Atlante ou San Luis.

Uol