Marcelo Mastroianni ilustra o cartaz do 67º Festival de Cannes

FESTIVAL DE CANNESA direção do Festival de Cannes escolheu o italiano Marcelo Mastroianni, astro do cineasta Federico Fellini, para ilustrar o cartaz da 67 ª edição do evento, que acontece de 14 a 25 de maio. O anúncio foi feito nesta terça-feira pelos organizadores, em um comunicado.

 Marcello Mastroianni é o novo homenageado do Festival de Cannes, depois do casal Paul Newman e Joanne Wooward e Marilyn Monroe, em 2012. “Com Marcello Mastroianni e Federico Fellini, celebramos um cinema livre e aberto ao mundo. É reviver a importância artística do cinema italiano e europeu através de uma de suas figuras mais “solares””, diz o texto da organização do Festival. O cartaz, criado pela agência Lagency/Taste, é um retrato do ator jovem, de óculos escuros.

A foto é uma imagem do filme “Oito e meio”, de Fellini, apresentado em Cannes em 1963, que conta a história de um diretor deprimido que foge do mundo do cinema para se refugiar em um universo povoado de fantasmas. Mastroianni já havia participado de “La Dolce Vita”, com Anita Ekberg, com quem ele dividiu a cena em outros longas : “A cidade das mulheres”, “Fellini Roma” ou ainda “Ginger e Fred”.

Sua filha, a atriz Chiara Mastroianni, disse em um comunicado que estava muito orgulhosa da homenagem feita a seu pai. “Ela é bela e moderna, e ele, belo e moderno. Uma doce ironia mesclada a uma espécie de indiferença muito chique. Tudo o que ele representa!”, escreveu.

Mastroianni morreu em 1996 em Paris, aos 72 anos, e trabalhou com os maiores diretores italianos : Dino Risi, Vittorio de Sica, Luigi Comencini, Ettore Scola, além de outros cineastas famosos como Louis Malle, Theo Angelopoulos, Manoel de Oliveira e Robert Altman.

O júri do Festival de Cannes deste ano será presidido pela cineasta Jane Campion, única mulher diretora a receber a Palma de Ouro em 1993 pelo filme “A Lição de Piano”. O filme de abertura, que será apresentado fora da competição oficial, é “Grace de Monaco”, de Olivier Dahan, com a atriz Nicole Kidman.
RFI