João Pessoa 24/05/2019

Início » Notícias » Mbappé sela permanência no PSG e põe pressão sobre situação de Neymar

Mbappé sela permanência no PSG e põe pressão sobre situação de Neymar

A noite da última sexta-feira (8), 48 horas após a eliminação do Paris Saint-Germain nas oitavas de final da Liga dos Campeões, ainda tinha um atordoado Kylian Mbappé na mesa de jantar em um restaurante da capital francesa. Mesmo assim, ao lado dos pais e da cúpula do clube, o jovem tomou a decisão de permanência para a próxima temporada.

O compromisso verbal foi tratado em tom solene dentro clube, com direito a anúncio oficial, principalmente para estancar as especulações sobre transferências. Muitos no clube também aguardam uma posição do gênero partindo de Neymar e de seu estafe. Indiretamente, a transparência da situação de Mbappé coloca pressão sobre o futuro do colega brasileiro.

Mbappé cumpriu o roteiro do “fico” traçado por seus representantes. Domingo (10), em entrevista ao Téléfoot, da TF1, o principal programa esportivo da França, comentou ainda sentir a dor da eliminação europeia, mas fez um comunicado aos torcedores do PSG: “Eu tenho certeza que vou ficar aqui na próxima temporada. Eu ainda acredito neste projeto, eu tenho certeza de que nós vamos começar a fazer algo certo”.

O contrato de Mbappé com o PSG vai até julho de 2022, o mesmo período do vínculo de Neymar com o clube. Por conta disso, o entorno do brasileiro acredita não ter a necessidade de uma declaração de permanência. No entanto, os já intensos boatos sobre transferência tendem a aumentar na ausência de uma posição oficial.

Não caíram bem entre os franceses as declarações elogiosas de Neymar ao Real Madrid em entrevista recente à TV Globo. O que todos queriam ouvir era algo próximo do discurso de Mbappé: “eu fico”. “É uma questão de respeito com o PSG. Entendo o Neymar ter os sonho de Real Madrid, agora falar isso estando no PSG é colocar fogo em algo que já está explodindo”, comentou José Barroso, repórter do PSG no jornal esportivo francês L’Equipe.

Na avaliação dos torcedores do PSG, Neymar um nível de afeto com o clube considerado baixo. A relação já melhorou bastante àquela experimentada na temporada de estreia, quando postava fotos na mesa de pôquer ou em jogos virtuais no computador durante partidas importantes do PSG -no período em que esteve lesionado.

Recentemente, o brasileiro publicou fotos torcendo pelos companheiros durante jogos em que esteve ausente e até vídeos comemorando a vitória sobre o Manchester United por 2 a 0, no jogo de ida das oitavas de final da Champions League. Mas o gesto não foi o suficiente, aparentemente.

Marquinhos e Thiago Silva se posicionaram de forma oficial no Instagram com pedidos de desculpas pela eliminação em casa. Porém, mais do que isso, passaram a mensagem de que vão seguir no PSG para conquistar o sonhado título europeu. Por sua vez, a escolha de Neymar, ainda em recuperação de uma lesão, foi o silêncio.

Oficialmente, o PSG assegura que Neymar permanece no clube. A posição da equipe francesa é de que nenhum anúncio sobre o caso deve ser feito, visto que o contrato do brasileiro sofreu modificações. Por sua vez, Mbappé viveu a mesma situação, mas escolheu a alternativa de findar boatos.

“Há um monte de pessoas que duvidam e vão duvidar no futuro do PSG, mas eu ainda acredito neste projeto, tenho certeza que vamos fazer algo de bom”, manifestou Mbappé em mensagem na TV dirigida aos torcedores.

Minuto ao Minuto