Mesmo com derrota e sufoco em São Januário, Santos elimina Vasco na Copa do Brasil

Mesmo com derrota e sufoco em São Januário, Santos elimina Vasco na Copa do Brasil

Após ter perdido por 2 a 0 em São Paulo, o Vasco tentou correr atrás do prejuízo e acabou vencendo em São Januário, mas o 2 a 1 não foi suficiente e foi o Santos quem avançou na Copa do Brasil.  O Peixe garantiu vaga nas oitavas de final da competição, e agora aguarda o próximo adversário, a ser conhecido em sorteio.  Vasco vai crescendo Apesar da necessidade do resultado, o Vasco não conseguiu pressionar nos primeiros movimentos de jogo.

A bola ficava na maior parte do tempo com o Santos, que evitava o sufoco permanecendo no campo do rival.  Aos oito minutos, Jean Mota quase abriu o placar com finalização acrobática. O meia conseguiu um giro e mandou bola por cima de Fernando Miguel. Já batido, o goleiro viu a trave salvar.   A noite não parecia nada favorável para os vascaínos, que perderam Leandro Castán machucado aos dez minutos. Nesse momento, a torcida carioca já pedia para o time acordar.

O time acordou quando Aguilar dormiu. O zagueiro perdeu bola para Lucas Santos, e Lucas Mineiro mandou para Maxi López na área. De calcanhar, o argentino ajeitou para Raúl abrir o placar.  O gol animou o Cruz-Maltino, mas o time seguiu sofrendo com lesões. Fernando Miguel deixou o campo aos 24, sentindo a panturrilha. O jovem Alexander entrou no jogo.  As alterações não foram de todo mal para os cariocas, já que Ricardo Graça, que entrou no lugar de Castán, acabou brilhando.

Aproveitando cobrança de escanteio, o zagueiro marcou o 2 a 0 em cabeçada.  Golaço e luta vascaína Sampaoli foi com uma formação mais ofensiva para a segunda parte. Tirou Alisson e mandou Soteldo para o jogo. Para avançar, as equipes precisavam de pelo menos um gol.  E quem conseguiu o tal gol foram os paulistas. Depois de jogada de Soteldo, Jorge conseguiu um chute certeiro de canhota para descontar para os santistas.

Foi um belo gol, e o 2 a 1 era favorável ao Alvinegro Praiano.  O Vasco parecia sem gás para buscar a reação, mas o jogo ganhou emoção nos minutos finais. Ricardo Graça voltou a aparecer na área e mandou nova bola para a rede em cabeçada. Dessa vez, porém, o bandeira assinalou impedimento, confirmado pelo árbitro. O jogo já estava nos acréscimos, mas ainda deu tempo de outra chance vascaína.

Maxi ficou com sobra de bola na área e tentou por cima de Éverson, mas mandou também por cima da trave. Apesar da luta, os cariocas ficaram pelo caminho.

O Gol