Ministério Público empossa conselheiros no conselho de trânsito em Santa Rita: presidente anuncia 1ª audiência pública na sexta. - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Ministério Público empossa conselheiros no conselho de trânsito em Santa Rita: presidente anuncia 1ª audiência pública na sexta.

IMG_20140610_152135202[1]O Ministério Público de Santa Rita, nesta terça-feira (10), tendo á frente o promotor Manoel H. Serejo empossou a nova composição no conselho de trânsito de Santa Rita, “COMATRAN”, tendo como presidente Antonio Galdino, vice-presidente o vereador Célio Rufino e o secretário executivo Luis Carlos presidente da Ong Educar para o Trânsito, além e todos titulares  e suplentes que compõe o conselho no município.

Após assumir como presidente do novo conselho de trânsito, Antonio Galdino, em sua falação disse que é um momento importante para a cidade porque é daqui por diante que vamos organizar e deliberar metas para definir e disciplinar a mobilidade urbana (trânsito) interna em nossa cidade, que se encontra  no caos, e com o conselho em ação teremos a liberdade para que venhamos criar mecanismos para desobstruir as artérias fazendo com que os veículos trafeguem com facilidade na cidade sem que venha criar problemas e constrangimento a população, revelou o novo presidente.

Na continuidade de seu discurso Antonio Galdino disse que realizará a primeira audiência pública na Câmara Municipal de Santa Rita, na sexta-feira (13), com o conselho deliberativo tendo como pauta de dois temas para discussão: que são o regimento interno para seja cumprido no COMUTRAN, e a outra discussão é uma lei criada pela parlamentar Josefa Mariano (PSD) que determina disciplinamento nos horárias das descargas de mercadorias com caminhões de longo e pequeno porte nos mercados públicos, e que todas as ações tomadas no conselho tenham a participação de todos, complementou Galdino.

Já Para o vereador e vice-presidente no conselho Célio Rufino disse que a implantação do COMUTRAN, era para está instalado a mais de dez anos e falou da “suma importância para uma cidade que cresce e acompanha o desenvolvimento com mais de 20 mil veículos que circulem em nossa cidade” além dos que aqui trafegam externamente. Com o funcionamento do conselho os beneficiados é a população com o reordenamento que passa e existir com acompanhamento educativo que vai gerar facilidade na mobilidade, disse o vereador Rufino.

Para o secretário executivo que presidi a Ong educar para o trânsito Luis Carlos  disse que a formação do conselho dá um passo importante com mais organização na efetivação do conselho da cidade, ganha na elaboração de novas regras, campanhas educativas, e em comum acordo com o órgão de trânsito local, os empresários unir forças para que o município entre na era da mobilidade evitando acidentes e seu tráfego fluir livremente com semáforos, sinalizadores e dos elementos que compõe o trânsito evitando mortes, pontuou Luis Carlos.

Por fim, o empresário de empresas de ônibus Marcone Oliveira disse que este grande benefício não é só para as empresas, e sim para a população que precisar se deslocar para cumprir seus afazeres e ganhar tempo, haja vista que, o conselho de trânsito era para ter sido instalado desde sua criação e o poder público investido em mobilidade urbana e em políticas públicas para beneficiar não só a população, mas sim os que necessitam do espaço a se deslocar para outra cidade, concluiu o empresário Marcone Oliveira.

Lamartine do Vale, do Paraíba Urgente.