Moradores do Sertão denunciam escolta da polícia a carro-forte e Comando rebate

Moradores do Sertão denunciam escolta da polícia a carro-forte e Comando rebate

No vídeo, o morador flagra um carro forte seguido de dois carros da polícia militar. (Foto: Reprodução)

Viaturas da Polícia Militar da cidade de São Bento, no Sertão do Estado, estariam sendo utilizadas para fazer a escolta de carros fortes de uma cidade para outra. A denúncia chegou à reportagem do ClickPB através de um vídeo no WhatsApp, que foi gravado por um cidadão da cidade de São Bento. No vídeo, o morador flagra um carro forte seguido de dois carros da polícia militar.

No relato, o denunciante lamentou que o policiamento na cidade fica desfalcado, já que os policiais se ausentam da cidade para proteger patrimônio privado. Ele apontou que a população está revoltada com a situação.

Um vídeo registrado pelo denunciante mostra os policiais militares em duas viaturas acompanhando o carro-forte de uma empresa de segurança. A escolta seria feita da cidade de São Bento até o trevo de Serra Negra, no Rio Grande do Norte.

O major Esaú, comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM), sediado em Catolé do Rocha, mas também responsável pela cidade de São Bento, falou com o ClickPB e negou as escoltas. “Não existe escolta. O que fazemos são ações controladas pela inteligência onde o estado maior estratégico diante de alguma suspeita recomenda rondas no perímetro urbano onde possa existir algum caso de violência”, explicou.

Ainda segundo ele, a região é alvo constante de explosões a agências bancárias, motivo pelo qual as recomendações para ronda são sempre efetuadas.

ClickPB