Morre ator e diretor Domingos Oliveira, aos 82 anos

Oator, diretor, dramaturgo de cinema e teatro, poeta e cineasta brasileiro Domingos José Soares de Oliveira morreu neste sábado (23), aos 82 anos, no Rio de Janeiro. Ele sofria de mal de Parkinson.

Licenciado em Engenharia, ele nunca trabalhou na área. O seu primeiro longa-metragem, intitulado “Todas as mulheres do mundo”, é de 1966. Domingos de Oliveira escreveu mais de 20 peças teatrais e dirigiu vários filmes, em mais de 50 anos de carreira.

Teve, durante anos, programas no Canal Brasil, que denominou de jornalismo autoral: “Todas as Mulheres do Mundo”, “Todos os Homens do Mundo”, “Swing”, sempre em parceria com sua companheira, Priscilla Rozenbaum.

Ela é pai da atriz e escritora Maria Mariana, a caçula da família. Foi casado também com Nazaré Ohana, mãe da atriz Claudia Ohana, e com Leila Diniz.

Cultura ao Minuto