Mulher atira sapato em Hillary Clinton em Las Vegas

sapatp Hillary clintonLAS VEGAS – A ex-secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, foi alvo nesta quinta-feira de um sapato lançado por uma mulher durante uma palestra em Las Vegas.

Hillary Clinton desvia do sapato atirado contra o palco onde ela discursava Foto: Isaac Brekken / AFP

O sapato passou a poucos centímetros da cabeça de Hillary, quando ela discursava na convenção do Instituto das Indústrias de Rejeitos Recicláveis (ISRI, na sigla em inglês), no hotel-cassino Mandalay Bay.

Um segurança logo entra no palco para proteger a ainda assustada Hillary Clinton

Um segurança logo entra no palco para proteger a ainda assustada Hillary Clinton Foto: Isaac Brekken / AFP

 

Após o susto, a ex-secretária de Estado e também ex-primeira-dama dos EUA brinca, tentando achar a autora do protesto

Após o susto, a ex-secretária de Estado e também ex-primeira-dama dos EUA brinca, tentando achar a autora do protesto Foto: Isaac Brekken / AFP

 — Sorte que ela não joga softbol tão bem como eu — brincou Clinton sobre a mulher, provocando risadas entre o público, segundo imagens da TV local KTNV.

— Não pensava que a gestão de rejeitos fosse algo tão polêmico — acrescentou a ex-chefe da diplomacia americana, 66 anos, possível candidata às eleições presidenciais de 2016 pelo Partido Democrata.

Mantendo o bom humor, Clinton emendou:

— Isto faz parte do Cirque du Soleil? — em referência à companhia canadense que tem vários espetáculos em Las Vegas.

https://www.paraibaurgente.com.br/wp-content/uploads/2014/04/sapatp-Hillary-clinton.jpg

Hillary manteve o bom humor e acenou para a plateia Foto: Isaac Brekken / AFP

 

O público aplaudiu Hillary Clinton de pé após o episódio

O público aplaudiu Hillary Clinton de pé após o episódio Foto: Steve Marcus / AP

O assessor de comunicação do ISRI, Mark Carpenter, confirmou em um e-mail enviado à AFP que o objeto lançado foi um sapato e que a mulher não estava credenciada para participar do evento.

— Nosso pessoal proibiu sua entrada, mas ela enganou a segurança mais tarde — disse Carpenter.

Um membro do ISRI encontrou a mulher em outro local e a entregou à polícia.

O episódio com Hillary Clinton lembrou outro caso bastante parecido, em 2008, com o então presidente George W. Bush, que sofreu com o mesmo tipo de protesto enquanto estava em Bagdá. Na época, um iraquiano quis protestar contra a presença militar dos EUA no Iraque.

 

Extra Online