Na volta de CR7 ao Espanhol, Real perde para o Betis no Bernabéu

Real Madrid’s forward from Portugal Cristiano Ronaldo kneels on the field during the Spanish league football match Real Madrid CF against Real Betis at the Santiago Bernabeu stadium in Madrid on September 20, 2017. / AFP PHOTO / GABRIEL BOUYS

Cristiano não conseguiu decidir para o Real Madrid (Foto: Gabriel Bouys/AFP)

De volta à disputa do Campeonato Espanhol após cumprir suspensão de cinco jogos, Cristiano Ronaldo não conseguiu ajudar o Real Madrid, que perdeu para o Betis pelo placar de 1 a 0, em duelo válido pela quinta rodada da competição internacional. O gol da partida foi marcado por Sanabria.

Com o resultado, a equipe madrilenha perdeu a primeira partida no Campeonato Espanhol, além de não conseguir quebrar uma marca histórica do Santos de Pelé: chegar ao 74º jogo seguido com ao menos um gol marcado na partida.

Na tabela de classificação, os blancos continuam com oito pontos, com duas vitórias, dois empates e uma derrota, ficando provisoriamente na quinta colocação. Por outro lado, o Betis chegou aos nove pontos, e conquistou os primeiros três pontos fora de casa na disputa.

Na próxima rodada, o time de Zinedine Zidane irá visitar o Alavés, neste sábado, para engrenar de vez na competição. Já o Betis encara o Levante, em seus domínios, na próxima segunda-feira.

A pressão dos blancos continuou, dessa vez com Modric. Em uma bela jogada de contra-ataque, o meia croata avançou pelo meio, entre o sistema defensivo do adversário, e chutou com a perna direita. A bola bateu na rede pelo lado de fora.

Em um primeiro tempo dominado pelo Real Madrid, a outra boa chance do Betis veio aos 33 minutos. Fabian Ruiz soltou uma bomba de fora da área, e Navas teve que se esticar todo para espalmar a bola para escanteio.

Na segunda etapa, o volume ofensivo da equipe da capital espanhola continuou alto. Logo aos 10 minutos, Cristiano Ronaldo cruzou e a bola passou por toda a área, encontrando Carvajal na lateral direita, que se esticou todo para acertar a trave direita do gol do Betis.

Aos 19, foi a vez do alemão Toni Kroos oferecer perigo ao gol de Adan. O meia limpou e acertou um belo chute colocado de fora da área, obrigando o espanhol a fazer ótima defesa e desviar a bola com a ponta dos dedos.

O técnico Zidane aproveitou a lesão de Marcelo, que sentiu a coxa, para aumentar ainda mais a pressão madrilenha, colocando outro jogador ofensivo em campo. Com a entrada de Lucas Vázquez, o Real não parou de atacar o Betis, que se limitava em defender, com os 11 homens atrás da linha do meio de campo.

Aos 29 minutos, o galês Gareth Bale quase marcou um golaço: ao aproveitar cruzamento pela direita de Carvajal, o ponta, sem deixar a bola cair, tocou de letra. O goleiro Adan defendeu no reflexo, e a bola ainda tocou na trave esquerda do Betis.

Com o final da partida se aproximando, o Real Madrid foi com tudo para o ataque. Apesar da pressão, foram os visitantes que chegaram ao surpreendente gol, já nos acréscimos: com a defesa totalmente exposta, os merengues permitiram que Barragan cruzasse para Sanabria, livre, cabecear para o fundo das redes e decretar a derrota da equipe madrilenha por 1 a 0.

Nas outras partidas da competição internacional nesta quarta-feira, o Deportivo La Coruna, jogando em casa, venceu o Alavés pelo placar mínimo de 1 a 0 e conquistou a primeira vitória no Campeonato Espanhol, chegando aos quatro pontos somados. O gol da partida foi marcado por Luisinho.

O Sevilla assumiu a vice-liderança do campeonato, atrás apenas do Barcelona, ao vencer o Las Palmas em casa pelo marcador de 1 a 0. Com gol de Jesús Navas, a equipe espanhola chegou à quarta vitória na competição, e tem agora 13 pontos conquistados. Mais cedo, o Atlético de Madrid venceu o Bilbao pelo placar de 2 a 1.