“Natal Luz”dos vereadores da Câmara de Santa Rita-PB, termina em prisão em flagrante pelo GAECO, vídeo

Vereadores da Câmara de Santa Rita-PB foram presos nesta madrugada segunda para terça-feira (5) em flagrante quando retornavam de um congresso em Gramado no estado do Rio Grande do Sul, a operação foi realizada segundo uma denúncia da farra com o dinheiro público que segundo o delegado Alan Terruel que comandou a operação todos os vereadores foram pressos em flagrante que a viagem nesse período a Gramado cidade de maior fluxo de Turismo do Brasil conhecido internacionalmente como o turismo mais caro do Brasil.

O presidente da Câmara de Santa Rita-PB. Anésio Miranda (PSB), foi entrevistado perlo jornalista Emerson Machado da TV Correio e indago pelo repórter sobre a situação que após retorno da viagem para Santa Rita foram autuados presos em flagrante pelo GAECO, Anésio Miranda respondeu que  o congresso dos vereadores é legal e que os vereadores teriam o direito de constitucional de se defender o contraditório e que o acontecido seria fruto de uma denúncia e que existia mandato de prisão que iria provar em outra instancia que segundo o repórter informou que a prisão autuação em flagrante e que ele Anésio Miranda disse ainda que assumindo a Câmara interinamente nesses três meses e 75% dos congressos realizados foram da gestão de seu antecessor que segundo ele o parlamento possui mais de um presidente, afirmou.

Indago ao vivo por Nilvan Ferreira em relação aos custos do congresso dos vereadores o presidente Anésio Miranda respondeu que cada vereador receberia entre 4 e 5 mil reais, afora o transporte aéreo de em torno 3 mil reais e estadia de hotel de mais três mil reais que no período que estar assumindo à Câmara de Santa Rita foi a primeira viagem a Gramado e que ele e os vereadores terão o direito do contraditório, frisou.

Veja o vídeo produzido ao vivo pela TV Correio:

 

As informações são da TV Correio 

Lamartine do Vale, do Paraíba Urgente