No “grupo da morte” da Copa América, Argentina e Uruguai jogam com sede de título

copa america 1Uruguai contra Paraguai e Argentina versus Jamaica são os duelos deste sábado (13) da Copa América, que acontece no Chile. O time celeste uruguaio, atual campeão, e a Argentina de Messi estão no grupo B, batizado de “grupo da morte”, e são os favoritos para vencer o torneio.

 Os adversários dos favoritos não devem oferecer muita resistência. Vice-campeão há quatro anos, o Paraguai vem de uma campanha desastrosa nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, terminando em último lugar, e a convidada Jamaica tem pouca tradição futebolística.

A Argentina nunca perdeu para o Paraguai na Copa América. Foram 22 confrontos na competição continental, com 18 vitórias e quatro empates. Para Messi, a Argentina merece o troféu, pois “a desilusão do Mundial ficou entalada na garganta e temos agora a possibilidade de conquistar um título que queremos muito”.

A equipe dos “hermanos”, considerada a melhor do torneio, é comandada por Gerardo Martino, que treinou Messi no ano passado no Barcelona e levou a seleção paraguaia às quartas de final da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Já o Paraguai é dirigido por outro argentino, Ramon Díaz, que já foi campeão nacional com clubes como River Plate e San Lorenzo.

O jogo Uruguai x Jamaica começa às 21h em Paris (16h de Brasília). Já a Argentina enfrenta o Paraguai às 23h30 de Paris (20h30 de Brasília).

Mordida

Já o Uruguai não poderá contar com outro atacante que brilhou no Barça neste ano, Luis Suárez, suspenso por conta da mordida no italiano Chiellini na Copa do Mundo do Brasil. “A ausência de Suárez é importante, mas a nossa equipe vai estar à altura”, prometeu Cavani, que vem de uma temporada de altos e baixos com o Paris Saint-Germain.
Noticiário Internacional