O Sétimo Guardião: Feliciano toma importante decisão e se afasta da Irmandade

Feliciano (Leopoldo Pacheco) em O Sétimo Guardião (Foto: Reprodução/Globo)

Em O Sétimo Guardião, Feliciano (Leopoldo Pacheco) nunca escondeu que seu grande amor do passado foi Valentina (Lília Cabral) – que na época ainda se chamava Marlene. Mas, colocando em primeiro lugar a missão de guardião e ajudando a manter a empresária longe da fonte, ele deixou os sentimentos de lado. Ou, pelo menos, tentou. Ao descobrir que Valentina está envolvida com Murilo (Eduardo Moscovis), o falso mendigo não consegue mais colocar o coração em segundo plano e decide se afastar da Irmandade.

Feliciano procura Gabriel (Bruno Gagliasso) e, numa conversa tensa, avisa que precisa de uma licença temporária. Inicialmente, ele não admite que o motivo seja Valentina, mas não consegue esconder de Gabriel o incômodo ao ouvir Murilo dizer que está indo para a casa dela. Feliciano confronta o guardião-mor e alega que quer se afastar porque não concorda com a maneira autoritária com a qual ele conduz a Irmandade.

Valentina e Feliciano em O Sétimo Guardião (Foto: Reprodução)
Valentina e Feliciano em O Sétimo Guardião (Foto: Reprodução)

Gabriel avisa que, para saber se essa saída temporária é permitida, tem que consultar o livro da Irmandade. Feliciano, então, decreta que não foi falar com o filho de Valentina para fazer nenhum pedido, apenas para comunicar sua decisão, mesmo que os estatutos não permitam.

As cenas vão ao ar a partir de terça-feira, dia 19. O Sétimo Guardião é uma obra com direção artística de Rogério Gomes e direção geral de Allan Fiterman.

TV Foco