João Pessoa 14/12/2018

Início » Variedades » ONG de arte inaugura painel sobre violência contra a mulher

ONG de arte inaugura painel sobre violência contra a mulher

Obra assinada por Panmela Castro será apresentada com festa e show de MC Carol no Dia da Consciência Negra

O mural Dororidade: grafite de 500 metros quadrados, localizado na Rua do Lavradio, no centro do Rio – Divulgação/Renata Anchieta

Rio – O vermelho forte que emoldura as mulheres interligadas pelos cabelos, no novo grafite de 500 m² da Rua do Lavradio, no Centro do Rio, chama a atenção das pessoas que passam por ali. Assinada pela artista visual Panmela Castro, de 37 anos, fundadora da ONG Rede NAMI, a obra Dororidade representa as “irmãs de ideias”.

“É a união das mulheres em um apoio mútuo a partir da dor da mulher negra, da dor causada pelo machismo e pelo racismo. Esse painel também foi criado para promover as oficinas do AfroGrafiteiras, que estão com vagas abertas para turmas de 2019”, esclarece.

O AfroGrafiteiras é um curso gratuito promovido pela Rede NAMI na Pavuna e no Catete, que já formou cerca de 550 mulheres desde 2015. A artista Yasmin Ferreira, de 21 anos, mais conhecida como Yaya, é um dos frutos desse programa.

“Em julho deste ano, a Malala visitou a ONG, e nós pudemos ensinar a ela a técnica de stencil. E ela escolheu fazer a imagem da Marielle”, orgulha-se Yaya, encantada com a oportunidade de conhecer a ativista paquistanesa que lutou contra os talibãs para estudar: “Foi incrível poder apresentar a ela o meu trabalho, que está em destaque no circuito do Museu NAMI, no Catete”.

No Dia da Consciência Negra (20), das 16h às 20h, a Rede NAMI vai oferecer ao público uma festa para comemorar o AfroGrafiteiras, a inauguração do mural Dororidade e o lançamento da música de mesmo nome. O evento é gratuito e vai contar com a presença de artistas do cenário musical carioca, como a funkeira MC Carol.

Festa de inauguração do mural Dororidade. Dia 20 de novembro, das 16h às 20h. Rua do Lavradio, Centro do Rio. Entrada franca. Inscrições para as ofi cinas do projeto AfroGrafiteiras: www.redenami.com.br

*Estagiária sob supervisão de Paulo Ricardo Moreira